PIETA: Exposição de Artes Plásticas acontece em Vilhena com trabalhos de 70 aprendizes

Durante a pandemia do novo coronavírus, cresceu bastante o interesse pela arte, segundo afirma Pieta. “É uma terapia ocupacional e pintar também contribui para socializar e combater o estresse”, conclui.

PIETA:  Exposição de Artes Plásticas acontece em Vilhena com trabalhos de 70 aprendizes

Foto: Júlio Olivar

A artista plástica Anita Pietchak, a Pieta, realiza na Capra Joalheiros [avenida Major Amarante, centro], em Vilhena [sul de Rondônia] a 9ª Exposição de Arte envolvendo seus alunos, de 12 a 17 de setembro.
 
Ela tem 70 alunos cujas idades vão de 5 a 76 anos. “A maioria chega ao ateliê sem conhecer nada de arte, ensino desde as primeiras pinceladas”, explica. Os trabalhos pintados em óleo sobre tela variam do ingênuo ao abstrato; a maioria das obras está à venda, outras são de acervos pessoais. 
 
Pieta conta que sua aptidão manifestou-se aos seis anos, quando entrou na escola na cidade paranaense de São Mateus do Sul, onde ela nasceu. “Não fiz faculdade de arte. Mas, fiz pedagogia em um tempo que havia cadeira de educação artística nesse curso. Ser pedagoga me favoreceu na metodologia de ensino que emprego e que somo ao conhecimento que adquiri em vários cursos livres de arte”, relata. 
 
A artista é um exemplo de resiliência. De família de poloneses que se refugiaram no Brasil durante a 2ª Guerra Mundial, hoje aos 77 anos, a paranaense radicada em Rondônia mantém vivas sua energia e sua satisfação em ensinar. “Gosto, principalmente, de surrealismo. Mas isso também varia, pois não sigo a nenhuma escola, valorizo o que vem do meu estado de espírito”, esclarece, justificando que procura não interferir nos gostos dos alunos. “Uns gostam de fisionomias, outros de paisagens, de animais, de casarios, de elementos abstratos. Eu os ensino as técnicas  e os incentivo respeitando os interesses de cada um”.
 
Durante a pandemia do novo coronavírus, cresceu bastante o interesse pela arte, segundo afirma Pieta. “É uma terapia ocupacional e pintar também contribui para socializar e combater o estresse”, conclui.
Direito ao esquecimento

Você já decidiu em quem votar para deputado(a) estadual, federal, senador(a) e presidente?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Tormen e Moraes LTDA

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS