DOIS NÍVEIS: Secretaria da Fazenda faz concurso público com 210 vagas

Remunerações dos profissionais contratados podem chegar até R$ 23,5 mil; confira

DOIS NÍVEIS: Secretaria da Fazenda faz concurso público com 210 vagas

Foto: Divulgação

No estado do Amazonas, a Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz) anuncia a realização de um novo Concurso Público, tendo como objetivo o preenchimento de 210 vagas para profissionais de níveis médio e superior.
 
As oportunidades são para Assistente Administrativo da Fazenda Estadual (50); Auditor Fiscal de Tributos Estaduais (60); Auditor de Finanças e Controle do Tesouro Estadual (25); Analista de Tecnologia da Informação da Fazenda Estadual (15); Técnico de Arrecadação de Tributos Estaduais (25) e Técnico da Fazenda Estadual (35).
 
É importante enfatizar que algumas destas vagas são destinadas aos candidatos que se enquadram nos critérios estabelecidos no edital.
 
Para concorrer é necessário que o candidato comprove o nível de escolaridade exigido para a função desejada, tenha idade mínima de 18 anos, dentre outros requisitos que constam no edital.
 
Ao ser admitido, o profissional contará com remuneração de R$ 5.000,69 a R$ 23.548,96.
 
Procedimentos para participação
 
Os interessados deverão se inscrever a partir das 16h do dia 14 de fevereiro de 2022 até às 16h do dia 14 de março de 2022 (horário de Manaus), pelo site da FGV. As inscrições possuem taxas entre R$ 80,00 a R$ 135,00. Será possível solicitar a isenção do pagamento até as 16h do dia 16 de fevereiro de 2022.
 
A seleção dos candidatos será feita por meio de prova objetiva, prevista para ser aplicada nos dias 7 e 8 de maio de 2022, tendo como conteúdo programático questões de: língua portuguesa, raciocínio lógico e conhecimentos específicos para cargo.
 
Vigência 
 
O prazo de validade do Concurso será de dois anos, contados a partir da data de homologação do resultado final, podendo ser prorrogados pelo mesmo período.
Direito ao esquecimento

Em qual desses quatro pré-candidatos você votaria se as eleições fossem hoje?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS