SELEÇÃO: Polícia Militar abre concurso oferecendo 120 vagas para oficiais

Do total de oportunidades, 108 são para homens e 12 para mulheres

SELEÇÃO: Polícia Militar abre concurso oferecendo 120 vagas para oficiais

Foto: Divulgação

A Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) abriu um novo concurso para ingresso no Curso de Formação de Oficiais (CFO). São 120 vagas, sendo 108 são para homens e 12 para mulheres.
 
Para participar, é necessário ter graduação em Direito, idade entre 18 e 30 anos e altura mínima de 1,60m.
 
Ao ingressar no curso de formação, o aprovado é denominado ‘Cadete’. No primeiro ano, a remuneração é de R$6.519,44. Depois da formatura, o Cadete será declarado ‘Aspirante a Oficial’, com antiguidade definida segundo a ordem de classificação no CFO.
 
Inscrições e etapas
 
As inscrições abrem nesta segunda-feira (12/7) e seguem até 12 de agosto, pelo site da PMMG.  A taxa de participação é de R$ 22,57.
 
Os candidatos serão avaliados por meio de provas objetivas e dissertativas e avaliações psicológicas, avaliação física, prova oral e provas de título. 
 
As avaliações objetivas e dissertativas estão marcadas para 12 de setembro, a partir das 8h30. E,  poderão ser aplicadas nos municípios de: Belo Horizonte, Juiz de Fora, Uberaba, Lavras, Divinópolis, Governador Valadares, Uberlândia, Patos de Minas, Montes Claros, Ipatinga, Barbacena, Curvelo, Teófilo Otoni, Unaí, Pouso Alegre, Poços de Caldas e Sete Lagoas.
 
Curso de formação
 
O Curso de Formação de Oficiais será iniciado em 2022. As aulas serão aplicadas na Escola de Formação de Oficiais (EFO) da Academia de Polícia Militar (APM), situada na Rua Diabase nº 320, bairro Prado, Belo Horizonte/MG.
 
A duração do curso será de dois anos, em tempo integral, com regime de dedicação exclusiva e atividades escolares extraclasse após as 18h, inclusive aos sábados, domingos e feriados.
 
Durante o curso será obrigatório o alojamento do Cadete (pernoitar nos aquartelamentos) com a finalidade de familiarizar-se ao regime da caserna e às atividades militares, de acordo com o Regimento da Escola.
 
Ao término do curso, o militar poderá ser transferido, de acordo com a necessidade e conveniência administrativa, para qualquer Unidade da PM MG, em todo o Estado de Minas Gerais.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS