BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

FEDERAL: Aberto processo seletivo para contratação de professores em várias áreas

A seleção prevê contratação temporária com prazo de 12 meses

CONCURSOS NO BRASIL

20 de Julho de 2020 às 15:22

Foto: Divulgação

 

CONCURSOS NO BRASIL - O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins (IFTO) abriu três editais que somam 15 vagas para o cargo de Professor Substituto em diferentes áreas. Dessa forma, o processo seletivo IFTO prevê contratação temporária com prazo de 12 meses para os Campus Dianópolis, Araguatins e Colinas do Tocantis. A seleção terá validade de um ano, prorrogável por igual período.
 
Tudo sobre as vagas do processo seletivo IFTO
 
Aqueles que forem aprovados e convocados irão trabalhar em cargas horárias de 40 horas semanais, recebendo vencimento básico de R$ 3.130,85. Os contratados do processo seletivo IFTO poderão também ganhar retribuição por titulação de acordo com diplomas de formação acadêmica:
 
Aperfeiçoamento: R$ 234,81;
Especialista: R$ 469,63;
Mestre: R$ 1.174,07;
Doutor: R$ 2.700,36.
Ainda receberão benefícios como auxílio-alimentação (R$ 458,00), auxílio-transporte e assistência pré-escolar (R$ 321,00) por dependente de até cinco anos de idade.
 
Edital nº 20/2020 - Campus Dianópolis
 
O processo seletivo IFTO Dianópolis abriu seis vagas para os seguintes cargos:
 
Professor de Agronomia: 1 vaga;
Professor de Matemática: 1 vaga;
Professor de Pedagogia: 1 vaga;
Professor de Química: 1 vaga;
Professor de Filosofia/História: 1 vaga;
Professor de Agronomia/Agropecuária (com ênfase em Produção Animal): 1 vaga.
 
Edital nº 24/2020 - Campus Araguatins
 
As oito vagas ofertadas pelo processo seletivo IFTO Araguatins são para trabalho nos turnos diurno e/ou noturno nas áreas de:
 
Língua Portuguesa, Estrangeira e Literatura: 2 vagas;
Informação e Comunicação: 3 vagas;
Produção Alimentícia: 1 vaga;
Física: 1 vaga;
Infraestrutura: 1 vaga.
 
Edital nº 34/2020 - Campus Colinas do Tocantins
 
Há apenas uma vaga aberta para Professor de Engenharia Agronômica pelo processo seletivo IFTO Colinas do Tocantins.
 
Como se inscrever no processo seletivo IFTO
 
Os interessados em participar do processo seletivo IFTO deverão enviar sua inscrição por e-mail para:
 
Campus Dianópolis: seletivo.dianopolis@ifto.edu.br no período de 20 até 29 de julho de 2020;
 
Campus Araguatins: seletivoaraguatins@ifto.edu.br no período de 16 até 26 de julho de 2020;
 
Campus Colinas do Tocantins: colinas@ifto.edu.br no período de 09 até 19 de julho de 2020.
 
No assunto do e-mail deve estar indicando qual é a seleção, nome do candidato e área pretendida. Em anexo devem estar os seguintes documentos:
 
Formulário de Inscrição preenchido e assinado (Anexo II do edital);
 
RG (ou outro documento de identidade oficial com foto) e CPF;
 
Currículum Lattes atualizado e publicado na Plataforma Lattes do CNPq;
 
Diplomas de formação acadêmica;
 
Outros certificados para a prova de títulos.
 
Quais serão as etapas do processo seletivo IFTO?
 
Serão realizadas duas etapas no processo seletivo IFTO, sendo a primeira uma prova de títulos. e a segunda uma prova de desempenho didático. Confira os detalhes:
 
Editais n° 20 e n° 24 (Dianópolis e Araguatins)
 
A prova de títulos terá pontuação máxima é de 100 pontos e, para isso, será considerado:
 
Doutorado: 30 pontos;
Mestrado: 20 pontos;
Especialização: 10 pontos;
Tempo de magistério: 1 ponto por cada mês completo de experiência docente, somando até 70 pontos.
 
A segunda etapa do processo seletivo IFTO será uma prova de desempenho didático, que consistirá na apresentação de uma aula com duração de 25 minutos. No início da avaliação cada candidato deverá entregar o Plano de Aula em três vias impressas para a banca examinadora. A pontuação será da seguinte forma:
 
Plano de Aula: 20 pontos (considerando clareza dos objetivos, conteúdo, recuso didático, metodologia, procedimentos de avaliação e bibliografia);
Introdução da aula: 5 pontos;
Conteúdos ministrados: 25 pontos;
Procedimentos utilizados: 15 pontos;
Recursos didáticos usados: 15 pontos;
Finalização da aula: 10 pontos;
Exercício avaliativo: 10 pontos.
Edital n° 34 (Colinas do Tocantins)
 
A prova de títulos terá pontuação máxima é de 10 pontos e, para isso, será considerado:
 
Doutorado: 4 pontos;
Mestrado: 3 pontos;
Especialização: 2 pontos;
Tempo de magistério: 1 ponto por cada semestre completo de experiência docente, somando até 6 pontos.
Já a prova de desempenho didático consistirá na apresentação de uma aula com duração de 30 minutos.
 
Os candidatos deverão enviar o plano de aula para o mesmo e-mail da inscrição e avaliação será realizada de forma online no Aplicativo Meet. Assim, serão considerados:
 
Plano de Aula: 1,5 ponto (considerando clareza dos objetivos, conteúdo, metodologia, procedimentos de avaliação e bibliografia);
Visão introdutória do assunto: 1 ponto;
Explicação do objetivo da aula: 1 ponto;
Postura do professor: 1 ponto;
Conteúdo atualizado em nível médio: 1 ponto;
Organização, domínio e segurança na apresentação do conteúdo: 1 ponto;
Capacidade de síntese e cumprimento do plano de aula, mais análise do conteúdo com a vida prática: 0,75 ponto;
Exercício avaliativo e feedback: 0.75 ponto.
 
 
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS