MEDIDAS: PF aprova paralisação da categoria e pede renúncia de Anderson Torres

A Associação dos Delegados da Polícia Federal (ADPF) aprovou medidas em assembleias na última segunda-feira (2) e ontem (3) em reação ao reajuste concedido pelo governo para classe em abril

MEDIDAS: PF aprova paralisação da categoria e pede renúncia de Anderson Torres

Foto: Divulgação

Em uma campanha indignada contra o governo pelo pequeno valor do aumento salarial, delegados e policiais validam paralizações a serem definidas em calendário e pedem a saída do atual chefe da pasta da Justiça.
 
 
A Associação dos Delegados da Polícia Federal (ADPF) aprovou medidas em assembleias na última segunda-feira (2) e ontem (3) em reação ao reajuste concedido pelo governo para classe em abril, segundo o jornal O Globo.
 
 
Entre as propostas, estão a realização de paralisações parciais e progressivas dos policiais, com calendário a ser definido entre os delegados e as demais categorias da corporação, e o pedido de renúnciado cargo do ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres.
 
 
Torres é delegado da PF, e a ADPF aponta que, “pelo desprestígio e desrespeitoso tratamento dado pelo presidente da República à Polícia Federal e ao próprio ministro”, ele será pressionado a renunciar.
 
 
A diretora da associação, delegada Tania Prado, afirmou à mídia que “este governo é o responsável exclusivo por esta situação insustentável e pelo enfraquecimento da PF. A luta é pela sobrevivência da Polícia Federal e por tudo que ela representa”.
 
 
Ao mesmo tempo, a instituição voltou a falar sobre o uso da imagem da PF como ferramenta de marketing político por parte do governo Bolsonaro.
 
 
Para tentar “acalmar” a categoria, o presidente, Jair Bolsonaro (PL) anunciou na segunda-feira (2) que abriria mais vagas para concursados que queiram entrar na corporação. 
 
 
Entretanto, a medida parece não ter sido enaltecida pelos policiais, uma vez que a decisão concreta da paralização ocorreu hoje (4).
 
 
Direito ao esquecimento

Você acredita que a gestão da Segurança Pública (Sesdec) em RO está sendo competente no combate ao crime no estado?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS