DE FORA: Em seis dias Brasil exportou mais milho que todo outubro de 2020

Valores dispensados com as operações saltaram mais de 500% na comparação anual

DE FORA: Em seis dias Brasil exportou mais milho que todo outubro de 2020

Foto: Ilustrativa

O Brasil finalizou a segunda semana de outubro importando um acumulado de 207.191,4 toneladas de milho não moído, exceto milho doce, de acordo com os dados divulgados pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, por meio da Secretaria de Comércio Exterior (Secex).
 
Isso significa que, nos seis primeiros dias úteis do mês, o país já recebeu 8,58% a mais do que todo o registrado em outubro de 2020 (190.809,9 toneladas). Sendo assim, a média diária de importação ficou em 64.531,9 toneladas contra 9.540,5 do mesmo mês do ano passado, aumento de 261,95%.
 
O décimo mês de 2021 também representou elevações nos valores médios diários gastos que saíram de US$ 1.250,7 mil em 2020 para US$ 8.258,4 mil em 2021, aumento de 560,29% e nos preços dispensados por tonelada importada, que subiram 82,43% saindo de US$ 131,10 para US$ 239,20.
 
Direito ao esquecimento

Quem é o favorito ao título do Brasileirão 2021?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública.

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS