PEIXE SAUDÁVEL: Laboratório móvel de programa impulsiona a piscicultura em RO

Programa atende piscicultores de Cacoal, Pimenta Bueno, Primavera de Rondônia, Espigão Do Oeste, Parecis e São Felipe D’Oeste

PEIXE SAUDÁVEL: Laboratório móvel de programa impulsiona a piscicultura em RO

Foto: Divulgação

Nesta semana, o Governo de Rondônia, por meio do Programa “Peixe Saudável”, tem enviado equipes da Secretaria de Estado da Agricultura (Seagri) e da Entidade Autárquica de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Rondônia (Emater) para os municípios de Cacoal, Pimenta Bueno, Primavera de Rondônia, Espigão do Oeste, Parecis e São Felipe d’Oeste.
 
O objetivo é fomentar ainda mais a piscicultura junto aos produtores rurais dos municípios atendidos pelo Escritório Regional da Emater (Esreg) Território Rio Machado.
 
“Nós estamos com três laboratórios móveis do Programa “Peixe Saudável”, percorrendo os municípios, levando conhecimento e também capacitando os técnicos da Emater. Nas visitas realizamos demonstrações de coleta e conservação, análise de água para manejo e licenciamento ambiental”, explica a gerente de Desenvolvimento de Aqüicultura e Pesca da Seagri, Maria Mirtes de Lima Pinheiro.
 
Dentro do programa, o Poder Executivo, leva até aos piscicultores os laboratórios móveis, unidades equipadas com todos os aparelhos necessários para a análise de água e de peixes, auxiliando os produtores na manutenção da qualidade sanitária dos animais, mediante adoção de boas práticas de manejo.
 
Conforme explicou Maria Mirtes, o Programa “Peixe Saudável”, por meio destes laboratórios móveis, faz toda a análise de água necessária para garantir, por exemplo, o licenciamento ambiental junto à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Ambiental (Sedam). “Desta forma, o Governo de Rondônia desonera o piscicultor com relação às análises de água, que são caras. Assim, a maior parte das análises exigidas pela Sedam, são garantidas pelo próprio Estado”, destaca.
 
 
Por meio do “Peixe Saudável”, o Governo leva até os piscicultores laboratórios móveis para análises de água e dos peixes
 
 
Na quarta-feira (7), o programa chegou em Cacoal, na propriedade do casal Nilcineia e João Alves da Luz. No Sítio deles, têm seis tanques, onde criam tambaqui. A presença das equipes do Governo de Rondônia no sítio da família, empolgou o casal.  “Eu achei super importante virem aqui na nossa propriedade. Esclareceram muitas dúvidas, é um incentivo muito bom. Os técnicos fizeram exames, análises, responderam todos os nossos questionamentos. Mostraram muitas coisas. Estamos agradecidos”, enfatiza Nilceineia.
 
Para o gerente do Escritório Regional da Emater em Pimenta Bueno, Samuel Guedes, as ações do Governo do Estado trazem um novo ânimo, tanto para os produtores como para os servidores envolvidos com a piscicultura .
 
“Tudo o que está acontecendo é muito importantes para capacitação de técnicos e produtores, para a difusão de informações que contribuem na produção de peixes mais saudáveis, resultando em maior eficiência, lucratividade e melhor qualidade do pescado para o consumidor. Afinal, garantir o acesso a um produto de boa qualidade é fundamental para aumentar o consumo de pescado”, finaliza.
Direito ao esquecimento

Você é a favor ou contra o garimpo no Rio Madeira?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública. Vote quantas vezes quiser!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS