BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

Acordo com a Argentina é um avanço para a economia de Rondônia, diz Raniery

Destaque Empresarial

22 de Novembro de 2016 às 10:52

sem embed

De volta a Rondônia após participar de uma missão técnica da Confederação Nacional do Comércio na Argentina, onde assinou um Acordo de Cooperação Técnica com a Câmara de Comércio daquele País, o presidente da Fecomércio-RO, Raniery Coelho disse que Rondônia será o principal beneficiado no setor de comércio, serviços e turismo. O acordo prevê troca e o compartilhamento de informações, dados, estatísticas, experiências sobre políticas de investimentos, transferência de tecnologia e cooperação econômica como um todo.

Segundo Raniery Coelho, a Fecomércio-RO mais uma vez cumpriu seu papel na integração comercial do Estado com os países vizinhos, lembrando das relações econômicas já desenvolvidas com a Bolívia e o Peru, que a cada ano vem se fortalecendo ainda mais. “Conseguimos abrir mais uma porta para o comércio rondoniense, dessa vez com a Argentina. O estado de Rondônia tem muito para oferecer ao comércio argentino. Estamos contentes em poder colaborar com o crescimento econômico de Rondônia”, avaliou o presidente.

Atualmente, várias empresas rondonienses já fazem intercâmbio comercial com a Argentina, importando produtos como trigo, alho, sementes e até leite em pó. Em contrapartida Rondônia para o País vizinho Madeira compensada, manufaturada e laminada. Atrás do Pará e do Amazonas, Rondônia é o terceiro estado exportador da região norte brasileira e o 15º do País, com US$ 1,082 milhão entre 2008 e 2014. Seu volume de negócios cresceu 10,9% nesse período e 4% em 2014, segundo dados do Governo do Estado de Rondônia.

O presidente da Fecomércio-RO também ressaltou que a reabertura do comércio do Brasil com a Argentina é sobretudo, necessária. “São dois países que estão passando por instabilidades políticas, e sabem que precisam voltar a crescer economicamente. A Argentina é o 3º maior parceiro comercial do Brasil e a tendência é que essa relação comercial cresça ainda mais. Rondônia está entrando com tudo dentro de um acordo internacional que lhe dará mais visibilidade. As oportunidades de negócios serão significativa”, finalizou.

PRESIDENTES DAS FEDERAÇÕES DO COMÉRCIO PRESENTES À MISSÃO NA ARGENTINA:

Darci Piana, vice-presidente da CNC e presidente da Fecomércio Paraná.

Laércio Oliveira, deputado federal, vice-presidente da CNC e presidente da Fecomércio Sergipe.

Adelmir Santana, vice-presidente da CNC e presidente da Fecomércio do Distrito Federal.

Lázaro Luiz Gonzaga, vice-presidente da CNC e presidente da Fecomércio Minas Gerais.

José Evaristo dos Santos, vice-presidente da CNC e presidente da Fecomércio Goiás.

Luiz Gastão Bittencourt da Silva, vice-presidente da CNC e presidente da Fecomércio Ceará.

Carlos de Souza Andrade, vice-presidente da CNC e presidente da Fecomércio Bahia.

Alexandre Sampaio, presidente do Conselho Empresarial de Turismo e Hospitalidade (Cetur) da CNC e presidente da Federação Nacional de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares (FNHRBS).

Rubens Medrano, coordenador da Câmara Brasileira de Comércio Exterior da CNC e vice-presidente da Fecomércio São Paulo.

Daniel Mansano, diretor da CNC e presidente da Federação Nacional dos Despachantes Aduaneiros (Feaduaneiros).

Edgar Segato Neto, presidente da Federação Nacional das Empresas Prestadoras de Serviços de Limpeza e Conservação (Febrac).

Marcelo Fernandes de Queiroz, diretor da CNC e presidente da Fecomércio Rio Grande do Norte.

Itelvino Pisoni, diretor da CNC e presidente da Fecomércio Tocantins.

Wilton Malta de Almeida, diretor da CNC e presidente da Fecomércio Alagoas.

Eliezir Viterbino da Silva, diretor da CNC e presidente da Fecomércio Amapá.

Edison Ferreira de Araújo, diretor da CNC e presidente da Fecomércio Mato Grosso do Sul.

Bruno Breithaupt, diretor da CNC e presidente da Fecomércio Santa Catarina.

José Lino Sepulcri, diretor da CNC e presidente da Fecomércio Espírito Santo.

Raniery Araújo Coelho, diretor da CNC e presidente da Fecomércio Rondônia.

José Augusto de Castro, presidente da Associação dos Exportadores do Brasil (AEB).

Direito ao esquecimento

MAIS DESTAQUES EMPRESARIAIS