TERROR: Atos contra a democracia descambam para a violência nas estradas de RO

TERROR: Atos contra a democracia descambam para a violência nas estradas de RO

Foto: Divulgação

 

"O preconceito,o racismo e a discriminação só nascem quando não nos colocamos no lugar no lugar dos outros"  - Aguinaldo Vieira
 
Atentado ao Rondoniaovivo
 
No último sábado (19), fez exatamente uma semana que a sede do Jornal Rondoniaovivo foi alvo de um atentado, que deixou mais de vinte marcas de tiros nas paredes da empresa. Até agora, as perguntas básicas (quem fez, quem mandou, qual o motivo) continuam aguardando respostas das autoridades policiais. O barulho dos tiros ecoou não apenas em Rondônia, mas em várias partes do Brasil e do mundo. Essas respostas precisam ser dadas!
 
 
Baderna
 
Baderna. Terrorismo. Bagunça. Crime. Atentado. Qualquer um destes termos servem para classificar o que ocorreu no último final de semana, nas estradas que cortam Rondônia. Os  bandos que bloquearam as rodovias rondonienses, pedindo um golpe militar, se sentiram seguros para avançarem nas ações  e, usando a política como desculpa, passaram a se tornar ainda mais violentos. As operações de desbloqueio das estradas feitas pelas PRF e outros órgãos, ajudaram, mas não acabaram com todos os atos, que impedem o direito de ir e vir dos cidadãos.  
 
Carretas saqueadas
 
Não podemos aceitar que cinco carretas de uma rede rondoniense de supermercados tenham sido saqueadas e uma incendiada. Ou que caminhoneiro que se recusa a participar da baderna seja amarrado e espancado, como aconteceu em Vilhena. Ou ainda, uma família que teve o vidro traseiro do carro estourado por uma pedra, em Nova Mamoré, e que, por muito pouco, não atingiu as crianças e os adultos que se encontravam no veículo. Essa violência tornou o movimento, que já era ilegal, ainda mais ilegal, se é que isso é possível. É necessária uma ação firme das autoridades sob pena disso se tornar algo ainda pior. Além disso, a maioria da população quer noramalidade e já está cansada dessa confusão.
 
Prefeitura da capital
 
Alô, Prefeitura de Porto Velho e Caerd! Uma cratera está se formando no encontro das ruas Padre Chiquinho e Jamari, na esquina da Policlínica Ana Adelaide.  A água vaza dia e noite, danificando o asfalto e causando prejuízos aos motorista que passam por lá. 
 
Nada a comemorar
 
Ontem, 20 de novembro, foi celebrado o Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra em nosso país. Acho válida a iniciativa de se ter um dia para que a sociedade reflita sobre o papel da raça negra no desenvolvimento do país e a luta contra o racismo. Mas a verdade é que os negros tem muito pouco a comemorar nesse dia, especialmente, nesse Governo Federal que está acabando, quando foi dito que os afrodescendentes deveriam ser pesados em arrobas. Ainda somos maioria nos piores empregos, ganhamos menos que brancos desempenhando a mesma função, somos poucos nas escolas de elite, não ocupamos os espaços de poder. São tantas as situações que esse espaço é pouco. Isso tudo, porque o Brasil tem a segunda maior população negra do mundo, só perdendo para a Nigéria. Triste, mas é a realidade! 
 
 
UNIR
 
Esta semana a Universidade Federal de Rondônia está celebrando os 40 anos de Rondônia. Uma grande programação está sendo organizada pela instituição para marcar a data. Em todas as cidades onde ela tem campus, foram organizadas atividades com muita cultura para a comunidade universitária. A Unir merece todos os parabéns e apoio por parte da sociedade. Problemas existem dentro dessa que é a única universidade pública de Rondônia, porém, não podemos deixar de lembrar o grande papel dela no desenvolvimento de nosso Estado. A vida de muitas pessoas mudou para melhor, após terem passado pelas salas de aula da Unir. Parabéns, Unir!
 
 
Turismo
 
Rondônia é um estado entre dois biomas( Amazônia e Cerrado) e com uma beleza natural extraordinária. Além disso, tem cidades que valem visitá-las e conhecer um pouco da história de nossos municípios. Sem contar a gastronomia. Mas tudo isso está, literalmente, escondido. Não se vê nas redes sociais informações, para quem é daqui ou de fora, que orientem os interessados em saber o que Rondônia têm. Nos Instagram, há uma página chamada ‘Belezas de Rondônia’, muito bonita por sinal, com fotos de tirar o fôlego de várias locais de nosso Estado, mas é só isso. 
 
 
Informação
 
É necessário que o Governo de Rondônia, nesse segundo mandato do Governador Marcos Rocha, dê um apoio maior para o Turismo. Isso passa pela divulgação de nosso Estado e das cidades que o compõem reunidas em um guia, tanto online como físico, para que os interessados saibam aonde ir, o que ver, o que fazer, como chegar, custos e o que mais for possível. Isso é o mínimo necessário para mostrar que Rondônia é mais que violência, bloqueios de estradas e gente que defende ideias ultrapassadas. O Turismo pode ser a salvação para garantir que o que ainda resta de nossas florestas não seja destruído.
Direito ao esquecimento

Qual você acha que será o resultado do jogo entre Brasil e Croácia na sexta-feira (09)?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

A da S Coelho EIRELI

R Q Passos LTDA

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS