'CRIANÇA FELIZ': Gestantes de Alto Alegre dos Parecis são beneficiadas com cartão e kits enxoval

O Mamãe Cheguei atende gestantes em situação de vulnerabilidade social e econômica inscritas no Cadastro Único (CadÚnico)

'CRIANÇA FELIZ': Gestantes de Alto Alegre dos Parecis são beneficiadas com cartão e kits enxoval

Foto: Divulgação

O Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado de Assistência e do Desenvolvimento Social (Seas), com o apoio e parceria do Cras (Centro de Referência de Assistência Social) entregou nesta quinta-feira (23), durante solenidade de lançamento do programa “Tchau Poeira”, em Alto Alegre dos Parecis, dois kits enxoval do programa “Mamãe Cheguei” foram entregues simbolicamente para duas mamães que estiveram representando mais de 70 gestantes atendidas pelo programa na região.
 
O programa foi criado com o objetivo de dar assistência as futuras mamães, diminuindo a mortalidade infantil por meio do fortalecimento do vínculo entre mãe e filho durante o pré-natal. “O Mamãe Cheguei é executado pela Seas e atende a uma solicitação do governador Marcos Rocha. Quero agradecer as mãezinhas presentes aqui hoje. Estou muito feliz! Esse programa acompanha as mãezinhas durante toda gestação desde o pré-natal. O enxoval é apenas uma parte do benefício”, destacou a primeira-dama e secretária de Estado da Assistência Social, Luana Rocha.
 
O Mamãe Cheguei atende gestantes em situação de vulnerabilidade social e econômica inscritas no Cadastro Único (CadÚnico). Cada kit é composto por um travesseiro, um jogo de lençol com três peças, dez fraldas de tecido, três jogos de pagãozinhos, um macacão longo sem pé, um macacão curto, três conjuntos de camisetas sem manga e mijãozinhos, quatro pares de meia, um cueiro, uma toalha de banho com capuz, uma bolsa maternidade, três camisetas sem manga, um sabonete em barra, três sapatinhos, duas fitas adesivas, duas calças plásticas nº 3, duas calças plásticas nº 2, 50 fraldas descartáveis e uma banheira.
 
É muito importante a assistência que estou recebendo. O kit vai me ajudar pois sou de baixa renda e já tenho dois filhos: um de 5 e outro de 15 anos. Minha gestação é delicada e preciso ter cuidados redobrados. Gostaria de pedir para o governador e a secretária que continuem se voltando as pessoas de baixa renda. São programas como esse que fazem a diferença em nossa vida”, finalizou Lucineide Braun Borchart.
 
CRIANÇA FELIZ +
 
Durante a solenidade também foi entregue simbolicamente o cartão do programa de transferência de renda “Criança Feliz +” criado em 2019  para beneficiar as famílias em situação de vulnerabilidade social e econômica.
 
O programa é realizado em parceria com as prefeituras, fazendo com que o laço entre a mãe e a criança sejam fortalecidos. É uma transferência de recursos financeiros para as mães  cadastradas e com filhos de zero a três anos. Para participar é necessário estar dentro dos parâmetros do CadÚnico e Bolsa Família, exigidos pelo programa”, ponderou a secretária.
 
Luana reforçou ainda que as interessadas devem procurar a rede de assistência do município e realizar o cadastro. “É um recurso no valor de R$ 100 reais mensal que vai direto para a conta da mamãe”, finalizou Luana.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS