BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

DPE capacita servidores para melhorar o atendimento aos assistidos

DPE capacita servidores para melhorar o atendimento aos assistidos

Da Redação

11 de Novembro de 2011 às 16:01

Foto: Divulgação

Melhorar a qualidade no atendimento, buscando atingir a excelência, tem sido a preocupação do defensor Público-Geral do Estado (DPG), José Francisco Cândido, que participou, junto com sete colaboradores da DPE, do curso “Excelência e Qualidade no Serviço Público”, realizado na última segunda e terça-feira, no auditório do TRT. Atendendo determinação do DPG, o grupo que participou do curso fomentará o conteúdo junto aos colaboradores da instituição.
 O curso contou com a presença, como palestrantes, do presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), ministro Benjamin Zymler; do professor (mestre) em Direito Público e escritor, Jacoby Fernandes e do professor Sérgio Almeida, um dos maiores conferencistas do Brasil e de Portugal, especializado na área de atendimento ao cliente e autor de vários livros direcionados a essa área. A capacitação foi organizada pela empresa Treide-Treinamento de Desenvolvimento, do Pará.
 O presidente do TCU abordou os temas: “Considerações preliminares sobre a qualidade do serviço público no Brasil”; “O desenvolvimento dos contratos e a manutenção da qualidade” e “Gestão financeira do contrato- qualidade na execução e alteração”; Jacoby Fernandes discorreu sobre “Introdução estratégica”, “Análise crítica dos sistemas de licitação” e “Teoria da legalidade versus eficiência e qualidade” e, por fim, Sérgio Almeida falou “Como praticar um fantástico atendimento ao cliente-cidadão”.
 Cândido afirmou que o atendimento no setor público, em sua maioria, está se tornando cada vez mais mecânico/técnico e a Defensoria, como instituição que atua com pessoas carentes de recursos financeiros, precisa adotar formas diferenciadas e mais humanas para receber o assistido. " Acredito que a comunicação é fundamental em qualquer processo, por isso estamos desenvolvendo esse processo na DPE, como forma de alavancar os serviços que oferecemos aos nossos clientes", obervou.
 Para Sérgio Almeida, 80% dos problemas que ocorrem nas repartições públicas atualmente são decorrentes da falta de comunicação entre os próprios colaboradores e no atendimento ao cliente. “Ele(cliente) não quer apenas servidores competentes tecnicamente, mas pessoas prestativas e gentis, que saibam resolver a situação sem colocar empecilhos”, afirmou, acrescentando que existem servidores que estão na função com o objetivo único de burocratizar o sistema. “Lembre-se, você está sendo pago para executar, não para dificultar”, observou.
 Além do DPG, participaram do curso os colaboradores Aline Botelho (chefe de gabinete), Ariane Cardoso (licitação), Dalva Oliveira (auditoria), Daniele Fonseca (assessoria jurídica), Luciana Santos (administração) e Rocilece Pereira Santana (recursos humanos).
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS