BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

CONCURSO DEPEN: Edital com 309 vagas sai nesta terça-feira, 05 com remuneração até R$6.030,23

Saiba mais na íntegra

FOLHA DIRIGIDA

05 de Maio de 2020 às 08:43

Atualizada em : 05 de Maio de 2020 às 08:50

 

FOLHA DIRIGIDA - Os interessados no concurso DEPEN 2020 devem ficar atentos. Segundo uma fonte ligada ao Departamento Penitenciário Nacional (Depen), o edital do concurso já está pronto e deve ser publicado nesta terça-feira, dia 05.
 
A seleção trará uma oferta de 309 vagas, sendo 294 para agente de execução penal e 15 para especialista federal.  Para concorrer às vagas de agente é preciso ter o nível médio completo e carteira de habilitação, na categoria B ou superior. A remuneração inicial para o cargo é de R$6.030,23. 
 
Já as vagas de especialista federal serão destinadas a concorrentes do nível superior. A expectativa é para saber quais áreas deverão ser contempladas para essa função. 
 
Em 2015, ano em que foi realizado o último concurso, havia oferta para as especialidades de Enfermagem, Farmácia, Pedagogia, Psicologia, Serviço Social, Terapia Ocupacional.
 
Para especialistas, a remuneração é de R$5.865,70. Os valores das remunerações, em ambos os casos, são compostos por:
 
Vencimento básico; 
Assistência Gratificação de Desempenho de Atividade Especializada do Departamento Penitenciário Nacional do Ministério da Justiça (GDAPEN); 
Auxílio-alimentação, no valor de R$458. 
 
A lotação dos futuros aprovados no concurso poderá ser feita em uma das cinco penitenciárias federais, localizadas em: Campo Grande, no Mato Grosso do Sul; Catanduvas, no Paraná; Mossoró, no Rio Grande do Norte; Brasília, no Distrito Federal; e  Porto Velho, em Rondônia. 
 
Etapas de seleção do concurso já estão confirmadas
 
As inscrições do concurso DEPEN serão realizadas no site do Cebraspe, que foi escolhido como organizador da seleção em abril deste ano. Os detalhes sobre taxas de inscrição, cronograma de atividades, entre outros serão revelados no edital da seleção.
 
Com a publicação do documento neste mês, a expectativa é que as provas do concurso sejam realizadas em setembro. Isso considerando o Decreto 9.739/19, que determina a publicação dos editais de concursos públicos federais com antecedência mínima de quatro meses da realização da primeira prova. 
 
Lembrando que as etapas de seleção do concurso já foram confirmadas pela Assessoria de Imprensa do órgão. Segundo o departamento, os candidatos serão avaliados, na primeira etapa de seleção do concurso, pelas seguintes fases:
 
Provas objetiva e discursiva;
Exame de aptidão física
Avaliação médica. 
 
Os aprovados, ainda serão submetidos a uma segunda etapa, que consistirá em um curso de formação. Este deverá ser realizado pelo próprio Depen.
 
Resumo do concurso Depen
 
Órgão: Departamento Penitenciário Nacional
Banca: Cebraspe
Cargos: agente federal de execução penal e especialista federal em assistência à execução penal
Requisitos: níveis médio e superior
Vagas: 309
Remuneração: de R$5.865,70 a R$6.030,23 
Previsão de edital: maio
Previsão para prova objetiva: setembro
 
Relembre provas do concurso Depen 2015
 
Uma boa maneira de avaliar como deverá ser a prova objetiva do concurso Depen é usar como referência o edital anterior. Em 2015, por exemplo, a prova objetiva do concurso Depen  foi composta por 120 questões. Foram abordadas disciplinas de Conhecimentos Básicos (50), Complementares (30) e Específicos (40). 
 
Na prova de Conhecimentos Básicos os candidatos tiveram que responder questões de: Língua Portuguesa;  Atualidades;  Noções de Ética no Serviço Público; e Noções de Direitos Humanos e Participação Social. 
 
Os aprovados na prova objetiva foram classificados para a etapa de aptidão física, uma das etapas, além das provas objetiva e discursiva, que costuma preocupar muitos concorrentes. As atividades exigidas variavam para homens ou mulheres e para os cargos de agente ou especialista. Veja:
 
Testes de barra fixa (teste masculino); 
Teste estático de barra fixa (teste feminino); 
Impulsão horizontal e corrida de 12 minutos, para o cargo de agente penitenciário;
Teste de corrida de 12 minutos, para técnicos e especialistas.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS