BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

JORNALISTAS: Cristiane Lopes e Sinjor realizam evento sobre medida que extingue registro profissional

Entre os encaminhamentos da reunião estão: uma nota de repúdio a MP 905 que será proposta pela vereadora na Câmara Municipal e quando aprovada será encaminhada à Câmara Federal

ASSESSORIA

09 de Dezembro de 2019 às 16:25

Foto: ASSESSORIA

Jornalistas de Porto Velho reuniram-se na Câmara Municipal de Porto Velho, para discutir os efeitos da Medida Provisória 905/2019, que extingue a obrigatoriedade do registro profissional. A reunião contou ainda com a presença de radialistas e publicitários, que também serão atingidos e ampliaram a discussão em torno da regulamentação dos profissionais da comunicação em geral.



A vereadora Cristiane Lopes (PP), que é jornalista por formação, se colocou à disposição da categoria para auxiliar no que for preciso para que a MP não seja aprovada. Ela destacou a importância da profissão na Era Digital. "A união de todos valerá a pena. Em uma era de "fake news", o cenário deveria ser diferente e a nossa profissão deveria estar sendo valorizada. São os jornalistas que apuram os fatos e buscam a verdade de forma imparcial e objetiva", afirmou.



Para esclarecer sobre os principais pontos da medida que prejudicam os jornalistas, o advogado Manoel Veríssimo esteve presente e sanou dúvidas dos profissionais. "Acredito que agora é a hora de os jornalistas lutarem pela regulamentação da profissão. E além do apoio de parlamentares, buscarem também o apoio dos donos dos meios de comunicação que devem ter o registro profissional, como um dos critérios para contratação", enfatizou.

 

 

 



A presidente do Sindicato dos Jornalistas de Rondônia (SINJOR), Sarah Duque Estrada falou sobre a reestruturação do SINJOR em um momento tão importante quanto este e agradeceu a vereadora Cristiane Lopes pelo apoio, não só nesta causa, mas também em tantas outras em prol da categoria. "Comecei a trabalhar no jornalismo com 22 anos e este ano o meu presente de aniversário foi a notícia dessa Medida Provisória. Me orgulho da profissão e considero um desrespeito o que estão tentando fazer. Agradeço a vereadora Cristiane Lopes por estar nos apoiando e sendo nossa representante no parlamento municipal", revelou Sara.



Entre os encaminhamentos da reunião estão: uma nota de repúdio a MP 905 que será proposta pela vereadora na Câmara Municipal e quando aprovada será encaminhada à Câmara Federal. A vereadora e a Comissão pelo Registro Profissional do Sindicato, buscará o apoio dos parlamentares na esfera federal e a mobilização maior da categoria contra a Medida Provisória.

 

 

 

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS