BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

RECICLAGEM: Cooperativa de catadores recebe equipamentos por emenda de Airton Gurgacz

O equipamento, adquirido no valor de R$ 155 mil através de emenda parlamentar, vai proporcionar melhorias no trabalho de carga do material que é vendido para indústrias de outros estados.

Assessoria

04 de Julho de 2018 às 14:20

Foto: Assessoria

Airton Gurgacz, deputado estadual, participou da entrega de uma minicarregadeira para a Cooperativa dos Catadores de Materiais Recicláveis de Ji-Paraná (COOCAMARJI).  O equipamento, adquirido no valor de R$ 155 mil através de emenda parlamentar, vai proporcionar melhorias no trabalho de carga do material que é vendido para indústrias de outros estados.

 

Fundada no ano de 2013, a Coocamarji, presidida por Celso Luiz Moulaz, vem fazendo um trabalho de retirada de materiais recicláveis que seriam enterrados, gerando assim mais de 50 empregos diretos e indiretos no município de Ji-Paraná. Chega até o barracão da Cooperativa em torno 100 toneladas por dia de materiais a serem reciclados, atualmente são recicladas somente 90 toneladas por mês. A minicarregadeira será usada para empurrar o material para a esteira, onde é separado somente materiais como garrafa pet, pead (litros de kiboa, amaciantes, etc.) e sacolas plásticas. Esses são os produtos que tem o maior valor comercial. De papelão, cujo valor comercial deixa a desejar, são retiradas 20 toneladas por mês. Com a chegada do equipamento para picotar papel, já estão firmadas parcerias com órgãos públicos que destinarão papéis para serem picotados, agregando assim mais um recurso para os cooperados.

 

De acordo com Celso Luiz, o carregamento dos materiais nos caminhões era feito manualmente. A chegada da minicarregadeira agilizará muito os serviços, será usada também para limpar pátio e empilhar material. “Essa conquista significa muito para todos nós cooperados, e graças ao apoio do Deputado Airton Gurgacz, hoje estamos em festa”, concluiu.

 

Airton Gurgacz parabenizou toda a diretoria, cooperados e as pessoas que de uma forma direta ou indireta ajudaram no processo da compra da minicarregadeira. “Agradeço o apoio do governo do Estado através da Seas e acredito que essa conquista será de muita utilidade para todos vocês”, afirmou. Ele concluiu lembrando que ainda falta a entrega de um fragmentador de papel no valor de R$ 17 mil a ser feita muito em breve.

 

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS