BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

Tribunal Regional Eleitoral de Rondônia julga pedido de registro de Expedito Junior

As coligações encabeçadas por Confúcio Moura (PMDB), Jaqueline Cassol (PR) e Padre Ton (PT) se uniram para impedir que o registro de Junior seja deferido e vão argumentar na sessão de julgamento a mesma tese articulada pelo MPE para convencer a corte rond

Da Redação

05 de Agosto de 2014 às 08:06

Foto: Divulgação

Nesta terça-feira, às 10 horas, o Tribunal Regional Eleitoral de Rondônia julga o pedido de registro de Expedito Junior (PSDB). As coligações encabeçadas por Confúcio Moura (PMDB), Jaqueline Cassol (PR) e Padre Ton (PT) se uniram para impedir que o registro de Junior seja deferido e vão argumentar na sessão de julgamento a mesma tese articulada pelo MPE para convencer a corte rondoniense denegar o pedido.

Embora o Tribunal Superior Eleitoral tenha pacificado a questão de forma favorável aos candidatos na situação jurídica de Expedito Junior, há uma expectativa enorme nos comitês eleitorais em torno deste julgamento, pois cada corte é livre para definir o seu convencimento em relação ao caso concreto em análise

Porém abriu-se um procedimento jurídico eleitoral quando o Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba deferiu nesta segunda-feira, por 5X1, o pedido de candidatura de Cássio Cunha Lima (PSDB) ao Governo da Paraíba, onde a situação jurídica do tucano paraibano é o mesmo do tucano rondoniense. 

Na Paraíba a união dos concorrentes de Cássio Cunha Lima não funcionou e a tese da contagem do prazo da inelegibilidade de forma cheia foi rechaçada pela corte.

.

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS