BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

POLITICANDO - O padre que inaugura tapa buracos - por Paulo Andreoli

POLITICANDO - O padre que inaugura tapa buracos - por Paulo Andreoli

Da Redação

03 de Abril de 2013 às 14:28

Foto: Divulgação

SÓ RINDO - Comemorando 30 anos, trabalhando na redação com direito a marmita...Este venceu na vida
TRINTÃO

Hoje completo 30 anos de Rondônia  Por volta de 17hs do dia 3 de Abril de 1983 desembarcava na rodoviária de Porto Velho após seis dias e cinco noites enfrentando a BR 364 desde Cuiabá (MT). Viemos de Eucatur, dividindo o espaço e intermináveis atoleiros com outras dezenas de migrantes em busca da “nova estrela no azul da união”. Era este o mote da campanha que incentivava a vinda de colonos para o estado.

Calor quase (in)suportável.  Com 17 anos, acompanhava meu pai Francisco Andreoli na “aventura”. Confesso que pensava ficar um tempo com o pai nesta sua nova empreitada e quando sua família chegasse (esposa e filhas de outro relacionamento) voltava para casa da mãe em Botucatu (SP). 
Resolvemos pegar um taxi, sentido centro atrás de hotel “barato”. Começou uma chuva torrencial. Entramos no BK e logo que entrou na avenida Carlos Gomes furou o pneu. Descemos e com as malas cobertas de lama, saímos correndo e entramos no antigo Rondon Hotel, que ficava na esquina da avenida Jorge Teixeira com rua Dom Pedro II. Era caro. Convenci o “velho” a pagar e ficarmos uma só noite. Estava quebrado. Queria um banho quente e cama macia. O quarto tinha até ar condicionado.
A noite saímos para comer um lanche. Fomos a pé pela “Carlos Gomes” até a esquina com a rua Salgado Filho onde tinha um lanche. Conheci o X-Bagunça. Voltamos para o hotel. Meu pai cheio de sonhos e projetos. Eu assimilando suas idéias, me sentindo orgulhoso de estar a seu lado em local tão distante. “Tão velho oeste”. Fomos dormir acreditando que aqui tudo daria certo. Assim foi brevemente meu primeiro dia em Porto Velho.

Da lá pra cá a história é longa. Muito obrigado aos amigos que aqui conheci. Grato aos que acreditam no meu trabalho. “Gradecido” a esposa, filhos e netos que me aturam. Que venham os próximos 30....

PS – O amigo Paulo Mota dá sugestão para relembrar situação que vivi na terrinha.

AGORA PÁRA TUDO
Na coluna de ontem, relatei uma hipotética conversa com amigos “off-road” que afirmavam que a cidade de Cacoal, graças a buraqueira das vias é a segunda colocada no estado para prática de “rally, enduro e motocross – De casa para o trabalho”. Até teriam afirmado que se Mauro Nazif começar a trabalhar, iam se mudar para a capital do café. Lógico uma grande brincadeira. Texto com alta dose de ironia. (LEIA AQUI)
Mas.....
Eis que o prefeito padre Franco começou na cidade uma operação Tapa-Buracos também na data de ontem. Louvável ação em favor do povo cacoalense que vem reclamando e muito nas redes sociais o abandono da capital do café. E não é só de buracos. Saúde, educação e outras situações afligem a população que reelegeu o padre petista.

Mas o prefeito petista parece ter perdido a noção do ridículo. Ele, os assessores e “meia dúzia” de vereadores.

INAUGURANDO
Com a presença da imprensa, que foi devidamente convocada para o ato publico e oficial da gestão de Padre Franco, foi realizada uma “cerimônia” para os inicios do trabalho da Tapa Buracos em Cacoal. Isso mesmo leitor. Para tudo na cidade para inaugurar o simples “tapa-buraco”.
E o Padre deitou falação. Os vereadores emocionados discursaram. Assessores comissionados presentes batiam palmas e gritavam palavras de apoio. O ponto alto da “inauguração” foi a sessão de fotos para a imprensa. Com uma enxada na mão, Franco fez pose de “estadista” para a platéia.

 Uma cena dantesca. Um ato público desnecessário que afronta a inteligência do contribuinte. Uma grande falta do que fazer.

RECORRENTE
Mas vindo da gestão do Padre Franco não é novidade. O prefeito de Cacoal já realizou uma grande cerimônia festiva na cidade com a presença até de parlamentares estaduais para a inauguração de semáforos. (LEIA AQUI)
E foi da mesma forma. Discursos de políticos e aplausos de assessores. Presepadas iguais as que entraram apara o anedotário brasileiro graças a lendária Sucupira de Odorico Paraguassu.
A diferença é que o personagem “novelístico” ostentava o titulo de Coronel e o Franco é vigário.
TUCURA, O INTELIGENTE

As pataquadas não estão só restritas ao Executivo da "capital do café". O deputado estadual “da cidade” , Valdivino Tucura também já deu mostras de seu potencial "sucupirano" quando apresentou projeto de lei que determinava as forças policiais rondonienses que não perseguissem marginais nas vias da cidade para não causarem possíveis acidentes.

A Policia teria que simplesmente anotar a placa dos bandidos, repassar para a "inteligência" para buscá-los em casa.

Lógico que a sandice não foi sancionada pelo Governo do Estado. A ideia do deputado estava mais para de “jerico” que para “tucura”. (LEIA AQUI)

Na época circulou no Facebook a montagem abaixo

DO LADO DO BEM
O tragicômico de Padre Franco foi durante sua vitoriosa campanha eleitoral em 2012 quando recebeu reforços petistas da capital. O próprio ex-prefeito Roberto Sobrinho se aboletou numa suíte do Hotel Catuí de onde comandou uma verdadeira operação de guerra para reeleger o amigo.
Nos comícios afirmavam que eles eram o “lado do bem”. Que no “outro lado estava o mal”. Boa parte de seu reforço da capital acabou na cadeia, mostrando que o “demônio” estava ao lado do santo padre petista. Triste, mas verdade...
Nos bastidores afirma-se que os militantes petistas levaram mais que simples “tapinha nas costas”. Podem ter feito doações financeiras não declaradas pelo comitê de campanha do padre.
Para piorar supõe-se dinheiro desviado do povo portovelhense pela suposta ORCRIM – Organização Criminosa que foi desbaratada no inicio de dezembro nas operações Endemia e Vórtice levadas a cabo pela Policia Federal.
A chave para desvendar está nos grampos da PF que mantinha todo o staff do prefeito da capital em monitoramento constante. Troca de telefonemas entre os petistas da capital e Cacoal podem ser esclarecedores.

ENQUANTO ISSO NO FACEBOOK

 

 
E NO YOUTUBE RONDONIA
A rádio Caiari AM vai longe...Um cidadão uruguaio captou a "católica" e postou no Youtube.

--

Publicado em 27/03/2013

Reception of Radio Caiari (Porto Velho, Rondonia, Brazil) on 4785 khz by CX2ABP in Jaureguiberry, Uruguay (GF25hf). March 26, 2013 at 0904 UTC.

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS