BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

RONDÔNIA: Preso cunhado que matou PM a golpes de foice na frente da esposa e filha

A esposa e o filho do militar, respectivamente irmã e sobrinho do assassino, assistiram o momento em que ele cometeu o homicídio

Folha do Sul Online

27 de Maio de 2018 às 09:10

Foto: Folha do Sul Online

Foi capturado, na noite de ontem, o homem acusado de matar, a golpes de foice, o cabo da PM, Adriano David Araújo, 46 anos. O crime aconteceu num sítio em Boa Esperança, distrito pertencente ao município de Chupinguaia.
 

De acordo com informações obtidas pelo FOLHA DO SUL ON LINE, David havia ido até a propriedade, para visitar a sogra, em companhia da esposa e do filho menor de idade. Quando chegou ao local, iniciou uma discussão com o cunhado, Elias Paulo Zahn, 38 anos.

Segundo um colega do militar, o cabo e Paulo, que tinha histórico de problemas mentais, já haviam se desentendido várias outras vezes. O acusado já morou em Vilhena, onde chegou a trabalhar como pedreiro e jardineiro.

 

Segundo a ocorrência polical que descreve o assassinato, no meio da discussão, Paulo desferiu um golpe de foice na altura da cabeça de David. O policial, ferido e cambaleando, ainda tentou fugir em direção à porteira do sítio, mas foi alcançado.
 

Logo após desferir o segundo golpe, que matou a vítima no local, o agressor fugiu para a mata próxima, onde foi capturado horas depois.
 

A esposa e o filho do militar, respectivamente irmã e sobrinho do assassino, assistiram o momento em que ele cometeu o homicídio.
 

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS