Homem estupra a ex-mulher, foge para o telhado e confronta guarnição policial com tiro

O agressor foi localizado escondido dentro do forro do apartamento. Quando foi abordado ele correu e subiu em cima do telhado e dizia: “Só vou sair daqui morto”.

Da Redação

10 de Janeiro de 2011 às 08:47

Foto: Divulgação

O caso aconteceu nesta madrugada (10) em uma residência localizada na BR 364, região de Candeias do Jamary, setor Rural da capital. De acordo com relatos registrados no Boletim de Ocorrência n° 295/2011, a vítima, uma mulher de 22 anos, foi abordada pelo ex- marido, identificado pelas iniciais M.F.A. (27), quando ela retornava do trabalho e a ameaçou de morte, em seguida a estuprou. O crime aconteceu em uma vila de apartamento.

Após o estupro a vítima foi para casa e contou o acontecido para os pais. De imediato foi acionada ajuda policial via 190 e o homem foi localizado escondido dentro do forro do apartamento. Quando foi abordado ele correu e subiu em cima do telhado e dizia: “Só vou sair daqui morto”.

Um cerco foi montado e quando os Policiais Militares partiram para cima do agressor ele sacou de um revolver, calibre 38, e efetuou um disparo que por pouco não atingiu a comandante da guarnição.

Os policias assustados e com medo de algo pior acontecer revidaram os tiros e atingiram o “maníaco” com um tiro de espingarda, calibre 12, de bala de borracha. Diante dos fatos o homem foi imobilizado, recebeu voz de prisão e foi levado para a Central de Policial.

Direito ao esquecimento