TRANSPORTE GRATUITO: Porto Velho terá ônibus de graça e desagrada motoristas de táxi e aplicativos

A votação desse projeto contou com manifestação em frente à Câmara dos Vereadores

TRANSPORTE GRATUITO: Porto Velho terá ônibus de graça e desagrada motoristas de táxi e aplicativos

Foto: Divulgação

Aprovada em duas votações na Câmara de Vereadores de Porto Velho durante sessão plenária realizada nesta última terça-feira (6), PL 03/2021 garantiu transporte público gratuito nesse mês de abril e tarifas quase simbólicas até o final do ano. 
 
Essa aprovação foi bastante comemorada pelo Executivo Municipal, autor do projeto, que conseguiu disponibilizar, logo de início, gratuitamente um serviço de qualidade à sua população e evitar a saída da empresa que presta o serviço na cidade. 
 
De acordo com a Prefeitura de Porto Velho, atualmente estão sendo transportados aproximadamente 6 mil passageiros por dia, sendo que pelo menos 3,5 mil estão entre o grupo de não pagantes, como idosos e estudantes. 
 
Um relatório apresentado pela JTP Transportes mostrou claramente os prejuízos durante vários meses seguidos considerando, principalmente por conta da pandemia, que reduziu drasticamente o número de usuários do sistema. 
 
Concorrência não gostou 
 
A votação desse projeto contou com manifestação em frente à Câmara dos Vereadores, por parte dos motoristas de táxi compartilhado e de aplicativos de mobilidade urbana, que afirmaram se tornar injusta a concorrência após o subsidio da prefeitura. 
 
Até então, essa categoria vem liderando a preferência da comunidade portovelhense na hora de decidir um meio de transporte público para utilizar. Durante muito tempo, foram eles que sustentaram o serviço na cidade durante a debandada da antiga empresa de ônibus.
 
O preço 
 
Para isso a Prefeitura de Porto Velho irá desembolsar o preço em torno de R$ 6 milhões, que serão pagos em parcelas como forma de subsidio. 
 
“Somente um transporte público de qualidade pode atender a terceira idade, obesos, estudantes, portadores de necessidades especiais. A maioria dessas pessoas são justamente aquelas que precisam do nosso apoio. Por isso, nos próximos dias estaremos praticando as novas tarifas. Assim conseguiremos salvar o transporte coletivo. Inclusive, ajudando o comércio da nossa cidade que está passando por dificuldades”, afirmou Hildon Chaves. 
 
O preço do mês será R$ 0. Durante os meses de maio, junho e julho, a tarifa custará R$ 1. Já em agosto e outubro custará R$ 2. Nos meses de novembro e dezembro será R$ 3. A tarifa volta ao valor normal, ou seja, R$ 4,05.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

R E Eletrodiesel

R E Eletrodiesel

R E Eletrodiesel

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS