ESPAÇO ABERTO: PF não fala sobre tiroteio envolvendo agente em carro oficial

Confira a coluna de Cícero Moura

ESPAÇO ABERTO: PF não fala sobre tiroteio envolvendo agente em carro oficial

Foto: Divulgação

CALADA
 
A Polícia Federal informou, por meio de sua assessoria, que não vai se manifestar sobre a situação envolvendo o agente que baleou marido de delegada ao suspeitar que seria assaltado.
 
PASSEANDO
 
O Servidor Público Federal estava acompanhando de uma mulher, em um carro oficial, em frente à uma residência no bairro Pedrinhas quando teria sido surpreendido por um homem armado vindo em sua direção.
 
DEFESA
 
Houve troca de tiros e o agente acabou acertando sete disparos no suspeito que ficou caído agonizando. O agente fugiu do local. 
 
APRESENTAÇÃO
 
No dia seguinte, o policial federal se apresentou na Delegacia de Homicídios. Em depoimento, ele disse que achou haver comparsas junto com o suspeito e por isso não ficou no local. 
 
OCORRÊNCIA
 
O curioso é que mesmo se tratando de uma troca de tiros, a Polícia Militar não foi acionada. Outra questão intrigante  é o agente ter se apresentado na Delegacia de Homicídios sendo que não houve homicídio.   
 
SILÊNCIO
 
Mesmo diante de todo esse roteiro de filme, a Polícia Federal não se manifestou. Não entendi porque se aquietar, já que o agente estaria usando carro oficial no momento do fato, sendo ainda que não estava em atividade de trabalho. Se o carro é oficial, foi pago pelo povo. Se foi pago pelo povo, é um direito do cidadão saber como o veículo está sendo usado. Simples assim.
 
SAMAR
 
O grupo Samar, de Porto Velho inaugurou mais uma unidade de saúde na capital. O novo centro médico funciona na avenida Jatuarana, zona Sul da cidade.
 
LOGÍSTICA
 
Segundo o médico Alexandre Brito, um dos diretores da instituição, o novo hospital servirá para atender uma grande demanda de pacientes que moram na zona Sul.
 
ESTRUTURA
 
O novo Samar conta com salas de exames médicos e clínicos, raio X, ultrassom, laboratório. São sete consultórios com especialistas. O pronto socorro irá funcionar 24 horas com médicos e enfermeiros. 
 
EQUIPE
 
A unidade terá cerca de 60 funcionários entre administrativo e corpo clínico. Uma ambulância ficará disponível 24 horas no local.
 
AMERON
 
Brito enfatiza que diariamente o hospital Samar, na avenida Calama, região central, atende um grande número de pacientes originários da parte Sul da cidade. São associados da Ameron Saúde, plano hospitalar, que precisam se deslocar do bairro até o centro em busca de atendimento.
 
FACILIDADE
 
Com o novo hospital, “muitas demandas poderão ser atendidas na própria localidade onde residem os pacientes”, explica Brito. Somente casos de internação ou alta complexidade serão encaminhados para a unidade da região central.
 
GRUPO
 
Além das duas unidades de saúde em Porto Velho, o Samar possui um hospital na cidade de Cacoal. O grupo planeja para ainda este ano a inauguração de hospital também em Ji-Paraná.
 
NO TRECHO
 
O secretário de Obras, Diego Lage, não aparece, mas o prefeito Hildon Chaves tem dado o ar da graça em ações da prefeitura. Hildon fez um vídeo no bairro Lagoa, zona Leste da Capital.
 
PAVIMENTAÇÃO
 
O prefeito foi acompanhar de perto o trabalho de uma máquina em uma cratera que precisou ser aberta na rua Dourado. Hildon disse que vai continuar vistoriando obras , mostrando que isso será uma rotina.
 
POLITICAGEM
 
O próprio prefeito afirma no vídeo que ano passado, durante a campanha eleitoral, ouviu adversários dizerem que ele só estava visitando obras porque era período de eleição. Chaves afirma que é obrigação do prefeito fiscalizar obras e ações da gestão pública. 
 
INCIDENTE
 
Leitor enviou para o Rondoniaovivo foto do vidro de um carro estilhaçado por uma pedra quando servidores estavam cortando grama no canteiro central da Imigrantes com a Rio madeira. O veículo estava parado aguardando o sinal abrir. 
 
INCIDENTE 2
 
A equipe de trabalho não estaria usando uma tela protetora que evita que pedras e outros objetos sejam jogados a longa distância enquanto a máquina corta a grama.
 
OUTRO LADO
 
A Coluna procurou a prefeitura para saber se o dono do veículo será indenizado. Até o fechamento desta edição a resposta não foi enviada. 
 
PERDEU A PACIÊNCIA 
 
O deputado Jair Montes (Avante), líder do governo na Assembleia, deixou de lado a benevolência que costuma ter com o governador Marcos Rocha e cuspiu marimbondo ao saber a quantidade de doses de vacina envidas para o Acre.
 
5 VEZES MAIS
 
Jair Montes disse que é inadmissível o estado vizinho, que tem menos de 800 mil habitantes, receber mais de 20 mil doses de vacina contra o coronavírus, enquanto que Rondônia tem que se contentar com 5 mil e 400 doses.
 
POPULAÇÃO
 
Jair enfatizou que não tem nada contra os acreanos, mas é surreal o estado com quase 2 milhões de habitantes receber o equivalente a 5 vezes menos que o Acre.  
 
FURIOSO
 
Bastante irritado, o deputado argumentou que a amizade de Marcos Rocha com Jair Bolsonaro ou o ministro Pasuello é problema do governador. O estado não pode ficar desassistido com tanta morte sendo registrada diariamente.
 
DEMAIS DEPUTADOS
 
Jair disse ainda, que a Bancada Federal precisa acordar. Ninguém estaria fazendo nada em relação a forma insignificante que o Estado vem sendo tratado durante a pandemia, enfatizou o parlamentar.
 
CUTUCÃO
 
Jair Montes concluiu sua indignação dizendo que os políticos do Acre parecem ser muito mais importantes e atuantes do que os parlamentares de Rondônia.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

R E Eletrodiesel

R E Eletrodiesel

R E Eletrodiesel

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS