BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

Servidores decidem por unanimidade pelo movimento grevista

Servidores decidem por unanimidade pelo movimento grevista

Da Redação

24 de Outubro de 2015 às 08:35

Foto: Divulgação

No último dia 23 de Outubro a categoria de servidores municipais da cidade de Rolim de Moura (RO), reuniu-se na sede do SINSEZMAT - Sindicado dos Servidores Municipais da Zona da Mata, deliberar sobre a suspensão temporariamente do pagamento dos benefícios Salariais já concedidos concedente as Gratificações de Especialização, de incentivo a Escolaridade e Auxilio Alimentação.

No início da assembleia o presidente do Sinsezmat José Luiz Alves Felipin, parabenizou os professores pelo seu dia, logo em seguida explanou sobre o atraso do pagamento do mês de Setembro e aproveitou para expor a sua indignação sobre o decreto Nº 3.368/2015, tal medida l prevê a suspensão temporariamente do pagamento dos benefícios e Gratificações comprometendo a segurança alimentar dos servidores e suas famílias.

Durante a assembleia foi dado à oportunidade para a Presidente do Conselho do FUNDEB, senhora Neuza Cera, em suas palavras expressou sua revolta e indignação, e disse; que o Executivo Municipal está deixando a desejar e que os profissionais da Educação a muito tempo vem enfrentado sofrimento para poder estudar e oferecer uma Educação de qualidade e que hoje a pasta da Educação tem recursos sim e não há razão para atraso na folha de pagamento, bem como a supressão do seus , tal medida afeta ainda que no último quadrimestre não se gastou o mínimo exigido por lei que é 25% na educação.

Com sempre os servidores puderam contar com apoio da Câmara Municipal de Vereadores, durante a assembleia no Sinsezmat, estava sendo votado em sessão o projeto para sustação do decreto Nº 3.368/2015 publicado pelo executivo.

O presidente Felipin, explicou sobre a legalidade e seus prazos legais para realizar um movimento grevista, caso os servidores decidirem aderir neste momento a um movimento, fez também um breve relato das lutas travadas para defender e assegurar os direitos dos trabalhadores e destacou: “Foi com essas lutas que adquirimos várias vitórias, assim continuaremos.” Afirmou José Luiz Alves Felipin.

Os servidores indignados com o descaso do executivo, decidiram por Unanimidade pelo inicio do movimento Grevista que terá inicio na próxima quarta-feira dia 28/10/2015 que é o prazo legal para inicio da paralização por tempo indeterminado de acordo com a Lei nº 7.783/1989.

Por fim, toda a diretoria, juntamente com o presidente agradece a compreensão da população, o apoio, e reafirma juntamente com os contribuintes rolimourenses, que é por eles que também lutamos e paralisamos nossas atividades, para que eles tenham: um bom atendimento na saúde, educação e infraestrutura.

A categoria decidiu pela greve com a seguinte pauta:

a)   Revogação total do Decreto nº 3368/2015;

b)   Manutenção do recebimento integral da remuneração dos trabalhadores dentro do prazo previsto em lei;

c)   Manutenção e cumprimento da legislação vigente aplicada ao funcionalismo;

Agradecemos a você cidadão que entende que uma greve é último recurso, que se faz necessário, para que tenhamos de fato um serviço público de qualidade, que nem sempre a prioridade de uma greve é o salário e sim o mínimo de condições de trabalho e mais uma vez a você servidor que esteve lutando, pois, sindicato somos todos nós.

 

 

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS