BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

CHEIA – Fogás envia balsa com 29 mil botijas para evitar escassez de gás na capital

CHEIA – Fogás envia balsa com 29 mil botijas para evitar escassez de gás na capital

Da Redação

27 de Fevereiro de 2014 às 10:03

Foto: Divulgação

Distribuidora de GLP, Fogás, divulgou nota ao público sobre a sua atual condição diante da cheia do rio Madeira e a ação que está desenvolvendo para não prejudicar a distribuição de gás na capital. De acordo com a nota, as atividades recentes foram paralisadas devido a enchente do rio, porém para minimizar o problema conta com o apoio de distribuidoras não só em Porto Velho como de Cuiabá (MT). Nesta quinta-feira (27) está sendo aguardada duas balsas vindas de Manaus (AM) à Porto Velho, com 29 mil botijões e que deve aliviar, ainda que paliativamente, as dificuldades no abastecimento.

Confira abaixo a nota na íntegra:

 

A Fogás - Distribuidora de GLP (gás liquefeito de petróleo), vem a público informar sobre a atual situação de suprimento de GLP para o Estado de Rondônia:

1. A planta da Fogás em Porto Velho, que opera continuamente desde a sua fundação em 1970, teve suas atividades paralisadas em razão da enchente recorde e sem precedentes.

2. Diante desse cenário, estamos atendendo nossos revendedores de Porto Velho e do interior do Estado de Rondônia com restrições nas quantidades de botijões oferecidos.

3. Para minimizar as restrições atuais de abastecimento, a Fogás tem contado com o apoio de outras distribuidoras de GLP em Porto Velho e em Cuiabá, que, mediante autorização da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis), estão envasando os botijões da nossa marca dentro de suas capacidades produtivas.

4. Como alternativa, com o objetivo de complementar o atendimento da demanda de nossos clientes, enviamos duas balsas com botijões envasados a partir da nossa unidade de Manaus/AM. A primeira balsa com 29 mil botijões chega nesta quinta-feira, 27 de fevereiro, em Porto Velho, aliviando assim, as atuais restrições.

5. Pedimos desculpas aos nossos revendedores e consumidores pelo desconforto da atual limitação na oferta de GLP e reafirmamos o compromisso da empresa e de todos os nossos colaboradores em manter a tradição da Fogás de prover pleno suprimento para a região. Continuarmos empenhados, ao máximo, para reduzir as restrições de abastecimento durante esse período crítico de enchente sem precedentes na história do Estado de Rondônia.

Cordialmente,

Porto Velho/RO, 26 de Fevereiro de 2014.

A Diretoria.

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS