FIMCA e METROPOLITANA se mobilizam no Dia Mundial de Doação de Sangue

FIMCA e METROPOLITANA se mobilizam no Dia Mundial de Doação de Sangue

Da Redação

21 de Junho de 2010 às 11:02

Foto: Divulgação

Em comemoração ao Dia Mundial do Doador de Sangue – 14 de junho – e atendendo ao apelo da secretária-adjunta de Estado da Saúde, Josefa Lourdes, a FIMCA, Faculdades Integradas Aparício Carvalho, e a Faculdade Metropolitana, promoveram uma mobilização de doação de sangue junto a comunidade acadêmica e aos seus colaboradores, para suprir a necessidade do Banco de Sangue da Fhemeron.
 
Para melhor atender os candidatos à doação de sangue, uma infraestrutura foi montada no Prédio Azul. Profissionais da Fundação de Hematologia de Rondônia mantiveram seus postos no local até o final do evento, que transcorreu das 13 às 18 horas. Uma ambulância estava à disposição da equipe da coleta, caso fosse necessário encaminhar algum doador, que passasse mal, até ao hospital mais próximo. 
 
Para ser um doador de sangue, é necessário preencher alguns requisitos, a fim de que a doação seja concretizada de forma segura tanto para quem doa, quanto para quem vai receber o sangue. O cidadão deve ser saudável e estar com boa saúde, ter entre 18 e 65 anos, pesar mais de 50 quilos, não ter tido hepatite depois dos 10 anos de idade, não ter comportamento de risco para doenças sexualmente transmissíveis e apresentar documento de identidade oficial com foto e dentro do prazo de validade. Outros critérios são avaliados no momento da triagem clínica.
 
No dia do evento cada candidato à doação passou por todo esse processo. Eles receberam orientações primárias sobre a doação, logo após realizaram um cadastro e foram encaminhados diretamente para o atendimento médico. Depois de realizado o atendimento médico, o candidato era submetido a exames, tal como o Hemograma, exame que detecta anemia. E somente após a liberação dos médicos e o resultado do Hemograma, o candidato à doação era encaminhado para a sala de coleta. 
 
O Dia Mundial da Doação de Sangue
 
A transfusão de sangue é prática comum há mais de 60 anos e permitiu grandes avanços em praticamente todas as áreas da medicina.
 
A disponibilidade permanente de sangue e hemocomponentes constitui um recurso terapêutico de grande importância. A Organização Mundial de Saúde designou o dia 14 de junho como o Dia Mundial da Doação de Sangue, evento que conta com o apoio e a colaboração de quatro organizações internacionais: a Organização Mundial de Saúde, a Federação Internacional de Sociedades da Cruz Vermelha, a Federação Internacional de Doadores de Sangue e a Sociedade Internacional de Transfusão de Sangue.
 
Além de suprir o Banco de sangue da Fhemeron , o evento também teve o objetivo de conscientizar a comunidade  acadêmica sobre a importância da doação voluntária de sangue.
Direito ao esquecimento