BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

Estado forma 126 professores indígenas

Estado forma 126 professores indígenas

Da Redação

07 de Dezembro de 2007 às 11:55

Foto: Divulgação

*Com a aprovação do Projeto Açaí, trabalho que foi reconhecido oficialmente esta semana pelo Conselho Estadual de Educação, o governo de Rondônia garantiu a formação de 126 professores indígenas, que vão atender a educação de trinta e oito etnias rondonienses nas disciplinas de Português, Matemática, Ritos e Mitos, além de Literatura Indígena e Língua Materna. *O projeto garante a formação de educadores na área de Magistério Indígena de nível médio, com ênfase no desenvolvimento de suas habilidades para pesquisa e introdução de material didático específico, atendendo alunos das séries iniciais. *De acordo com o coordenador de Educação Escolar Indígena de Rondônia, Narai Agoteme Surui, essa foi mais uma conquista importante do governo do estado que, segundo ele, vem se desdobrando para garantir a educação das mais diversas etnias em Rondônia. *No Estado, segundo informa o secretário de Educação, professor César Licório, existem 70 escolas atendendo a um total aproximado de 2.700 estudantes indígenas. *“Apesar dos esforços do governo de Rondônia, o estado conta com hoje uma população indígena específicas com seis mil pessoas, constituídas por 38 grupos étnicos e 28 línguas distintas, distribuídas em 19 terras indígenas por todo o Estado. Portanto, mesmo com os investimentos na área, fica difícil atender todo esse universo”, lembra o secretário, destacando que o governo vem desenvolvendo políticas educacionais nessas áreas. *Sobre o Projeto Açaí, Licório disse que o trabalho começou em 1998, sendo concluído apenas em 2004. “Agora com o reconhecimento oficial do Conselho de Educação, Rondônia garante a formação de 126 educadores para trabalhar efetivamente na educação indígena nas aldeias”, destacou. *Por fim, ele informou que, entre outros objetivos, o trabalho visa ainda resgatar e conservar a cultura indígena das mais diversas etnias de Rondônia.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS