BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

Judocas cacoalenses conquistam Campeonato Estadual em Porto Velho

Parte desses atletas começou sua carreira profissional, através do Projeto Pensando no Amanhã, que atende mais de 2000 crianças nas escolas municipais de Cacoal.

Da Redação

17 de Julho de 2008 às 11:27

Foto: Divulgação

Na manhã desta segunda-feira, 16, parte da delegação de atletas, compreendidos na faixa etária de 06 a 18 anos, que disputaram o Campeonato Estadual de Judô em Porto Velho, estiveram no gabinete da Prefeita Sueli Aragão para entregar em mãos, a taça de Campeão Geral conquistado neste último fim de semana pelos atletas cacoalenses. Ao todo, 11 municípios participaram da competição. Alta Floresta, Buritis, Cacoal, Costa Marques, Guajará-Mirim, Jaru, Ji-paraná, Ouro Preto, Porto Velho e Rolim de Moura estiveram no SESI, entre 13 a 15 de julho disputando o campeonato Estadual na capital rondoniense. Com uma delegação composta por apenas 14 atletas, Cacoal, sob o comando do professor Antônio Nunes, demonstrou mais uma vez que os grandes atletas estão no berço deste pujante município. O professor Nunes, faixa preta, 4º dam, credenciado pelo Conselho Regional de Educação física, entregou juntamente com parte dos alunos que participaram da competição, a taça de campeão geral como forma de agradecer o apoio que a administração municipal tem dado aos atletas do Judô, dentro e fora do município. Os alunos foram transportados até Porto Velho numa van cedida pela prefeitura. Parte desses atletas começou sua carreira profissional, através do Projeto Pensando no Amanhã, que atende mais de 2000 crianças nas escolas municipais de Cacoal. O projeto tornou-se referência para o Estado de Rondônia. Crianças que antes estavam na ociosidade, na falta de esperança, e sem praticar esportes, hoje praticam e a cada dia, uma gama de profissionais se revela no município. Através do esporte, o projeto conseguiu resgatar valores e acima de tudo, o título de Campeão Estadual de Judô de Rondônia para os atletas cacoalenses. Premiação dos atletas cacoalenses Os campeões de Cacoal no feminino foram: Infantil feminino (06 e 07 anos), Raira Lino (campeã), Pré-Juvenil (13 a 14 anos), Gleuciane Moura (Campeã), Juvenil (15 a 16 anos), Adeline Gama (Vice), Sandy Lara (Campeã), Lorraine Lino (campeã) e Talita Lenzi (campeã estadual e sul-americana). Categoria Júnior feminino, (17 a 19 anos), Pámela Cecília (campeã), Géssica Cecília (campeã) e Dhieisi Erbert (campeã). No masculino, Pré-Juvenil, (13 a 14 anos) se destacaram os atletas João Antônio (vice) e Leônidas de Souza (campeão nesta categoria). No Juvenil (15 a 16 anos), o atleta Bruno Gallon consagrou-se campeão juvenil. Segundo o professor Nunes, alguns atletas ficaram tristes por não participarem da apresentação do troféu e das medalhas para prefeita Sueli Aragão no retorno da competição. Mas tudo tem uma explicação. O educador, que cuida de mais de 70 crianças dentro do projeto pensando no amanhã, afirma que acima do esporte está a educação. Diante disso determinou que nenhum aluno que estudasse pela manhã perdesse aula para ir ao encontro com a prefeita. Os atletas do judô treinam na Escola Aurélio Buarque de Holanda, no Bairro Teixeirão divisa com o Bairro Floresta. “O judô mudou a minha vida. Desde 1995 pretendo dar aos meus alunos a chance que eu não tive. Na minha época, as coisas eram mais difíceis. Hoje, consegui uma bolsa universitária para fazer educação física. Vários alunos que também não tinham chance de ingressar na faculdade conquistaram esta chance, graças ao judô e a determinação de cada atleta” desabafou o Nunes. O Campeonato Estadual de Judô foi realizado pela FEJUR, Federação de Judô do Estado de Rondônia. Maiores informações, sobre a delegação dos atletas do judô de Cacoal, entrem em contato com o professor Nunes através dos telefones 8425-3071 ou 9216-1186. Sua participação neste processo educacional, através do esporte, pode fazer a diferença nos sonhos de uma criança desportista. *VEJA TAMBÉM: * Polícia impede assaltos a bancos em Rondônia * Presa quadrilha que realizou assaltos em Ji-Paraná
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS