PICADEIRO; Sem eventos e sem plateia: assim será o Dia do Palhaço e do Circo

“Sem a cultura e a liberdade relativa que ela pressupõe, a sociedade, por mais perfeita que seja, não passa de uma selva”.

Emilia Araújo - Rondoniaovivo

24 de Março de 2020 às 15:50

Atualizada em : de de às

Foto: CHICÃO SANTOS

O Dia Internacional do Palhaço e o Dia Nacional do Circo, comemorados nesta sexta-feira, 27 de março, serão lembrados de forma diferente este ano, sem eventos e sem plateia devido à pandemia do coronavírus.

 

O produtor cultural e diretor de teatro em Porto Velho, Chicão Santos, postou vídeo nas redes sociais lembrando a data.

 

“Sem a cultura e a liberdade relativa que ela pressupõe, a sociedade, por mais perfeita que seja, não passa de uma selva. É por isso que toda a criação autêntica é um dom para o futuro”, declara Chicão, citando a frase de Albert Camus.



De acordo com o produtor, no Brasil há cerca de dois mil  circos e milhares de casas culturais, auditórios, anfiteatros, dentre outros espaços onde o teatro é praticado em sua efemeridade.


Para ele, teatro e circo são elementos vitais da cultura e da economia. “Em decorrência da pandemia, milhares de profissionais da arte, assim como de outras áreas estão sem trabalho e mais do que nunca precisam de apoio do poder público e da sociedade”.

 

Fonte: Chicão Santos - @oimaginario.

 

 

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS