BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

MÚSICA: Fundação Cultural abre inscrições para aulas de violão gratuitas

As matrículas já estão sendo realizadas e vão até dia 31 de janeiro

ASSESSORIA

13 de Janeiro de 2020 às 16:14

Foto: Divulgação

A Fundação Cultural de Vilhena (FCV) está com as inscrições abertas para aulas de violão gratuitas. As inscrições vão até o dia 31 de janeiro e podem ser feitas de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h. Há 30 vagas para o período da manhã e outras 30 para aulas à tarde.

 

Os interessados devem se dirigir à sede da FCV, localizada na Av. Tancredo Neves, n° 3845, no bairro Jardim América. Para efetivar a matrícula é necessário ter em mãos cópias de RG e comprovante de residência. Crianças e adolescentes precisam apresentar também comprovante escolar do ano passado ou matrícula deste ano, e se ainda não tiver carteira de identidade, o documento pode ser substituído pela certidão de nascimento. A presidente da FCV, Katia Valléria, informa que as inscrições para alunos menores de idade devem ser feitas por um dos pais ou pelo responsável legal.

 

O curso de violão inicia no dia 6 de fevereiro. A idade mínima para participar das aulas é de oito anos e o aluno deverá ter o seu próprio instrumento. De acordo com o regulamento, o curso terá duração de quatro meses, com aula de duas horas cada, uma vez por semana. E todo o material de estudo será ofertado pela Fundação Cultural.

 

O PROFESSOR - O músico Rafael Pontes, membro da Orquestra Sinfônica de Vilhena, e dono de vasta experiência tocando em bandas e acompanhando artistas locais e regionais, será o ministrante do curso de violão. “É uma honra termos um músico tão renomado como professor da Fundação Cultural. Isso mostra que o nosso objetivo de oferecer o melhor para quem busca cultura está sendo alcançado”, diz Katia.

 

EMENDA – O curso está sendo oferecido graças à emenda impositiva do vereador França Silva, vice-presidente da Câmara Municipal, que destinou R$ 10 mil do orçamento da Prefeitura especificamente para esse fim.

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS