BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

Gravidez em tempo de Coronavírus

COLUNA

03 de Abril de 2020 às 15:25

Foto:

O risco de repetirmos a tragédia da epidemia do zika

 

O coronavírus é um vírus novo e que o mundo e comunidade científica estão apenas começando a aprender sobre ele. Não há evidências para sugerir um risco aumentado de transmissão vertical até o momento. Mas é necessário considerar que as mulheres que estão dando à luz agora, que tiveram contato com o vírus, isto ocorreu no último trimestre da gravidez. Não é possível afirmar o que ocorrerá com os bebês cujas mães tiverem contato com o vírus nas primeiras semanas após a concepção, por isso é recomendável adiar a gravidez neste momento.

 

Não nos esqueçamos da epidemia de ZICA VÍRUS

 

O Zica Vírus deixou uma legião de crianças sequeladas (microcefalia). Devemos empenhar esforços para que isso não se repita. Muitas unidades de saúde suspenderam os atendimentos de vários serviços, inclusive planejamento familiar, em prol de reduzir aglomerações e de garantir o atendimento de pessoas vítimas da infecção por coronavírus.

 

O fornecimento de planejamento familiar e outros produtos de saúde sexual e reprodutiva podem ser impactados negativamente à medida que as linhas de cuidado começarem a falhar sob a pressão da resposta à pandemia.

 

Em caso de suspensão ou interrupção de serviços de saúde, obstáculos e barreiras devem ser removidos para permitir a continuidade de acolhimento e provimento de insumos de planejamento familiar, a fim de garantir a proteção de uma gravidez inoportuna e não intencional de mulheres e meninas em idade reprodutiva.

 

Por Dra. Ida Peréa Monteiro

 

Ida Peréa Monteiro é presidente da Associação de Obstetrícia e Ginecologia de Rondônia – ASSOGIRO, mestre em Ciências da Saúde pela Universidade Federal de Brasilia, Graduada em Direito pela Universidade de Fortaleza, Graduada em Medicina pela Universidade Federal do Ceará, doutoranda em Ciências Médicas pela Universidade Federal de Brasilia, atua na área de Ginecologia e Obstetrícia, com foco na consolidação dos Direitos Sexuais e Reprodutivos de Mulheres e Adolescentes.

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS