BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

DESLIGADA: Homem compra tornozeleira por R$ 60 de usuário de droga para dizer que é ‘perigoso’

Ele usava o equipamento quando foi abordado pela PM

PAINEL POLÍTICO

04 de Abril de 2020 às 09:44

Foto: Divulgação

Uma caso, no mínimo inusitado, foi descoberto por policiais militares do Batalhão Rotam.  Eles flagraram um homem de 22 anos utilizando uma tornozeleira eletrônica desligada e que não lhe pertencia.

 

A prisão ocorreu no bairro Pedregal, em Cuiabá, na tarde da última sexta-feira (3). O suspeito confessou que comprou o equipamento de monitoramento de outra pessoa para mostrar que é perigoso. O aparelho foi “vendido” por R$ 60.

 

Os policiais realizavam patrulhamento de rotina na rua Mamoré quando visualizaram o suspeito com mais dois homens em uma esquina, segundo a PM, de maneira suspeita. Durante abordagem pessoal, o policial notou que o suspeito utilizava a tornozeleira eletrônica e que ela estava desligada.

 

O homem relatou que pagou a um usuário de drogas a quantia de R$ 60 pelo equipamento para, segundo ele, “ostentar e pagar de perigoso”.

 

O irmão do verdadeiro dono da tornozeleira estava entre o grupo abordado pela PM. Inicialmente, ele chegou a passar um nome falso, mas acabou confessando que o equipamento é do irmão. (Gazeta Digital com informações da assessoria da PM)

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

NOVA DATA: Após adiamento, confira como fica o cronograma do Enem

NOVA DATA: Após adiamento, confira como fica o cronograma do Enem

Ministro da Educação anuncia, por meio de rede social, adiamento do prazo para se habilitar à prova. Pagamentos podem ser feitos até um dia depois da data final para garantir a participação. Até o meio-dia de ontem, mais de 5 milhões de pessoas tinham feito o cadastro

23 de Maio de 2020 às 10:36