BARBÁRIE: Adolescente é decapitada e tem a cabeça jogada na frente da casa da mãe

De acordo com o Delegado Martins, coordenador da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) as investigações já iniciaram em busca de prender o suspeito que deve ser indiciado pelo crime de feminicídio

Ac 24 horas

21 de Fevereiro de 2020 às 13:19

Foto: Divulgação

 

Mais um crime bárbaro contra mulher foi registrado na capital. Uma adolescente identificada como Larissa Aurélia da Costa Silva, de 17 anos, foi morta a golpes de faca no pescoço e depois foi decapitada. O crime ocorreu na rua C, no bairro Jorge Kalume, em Rio Branco. O principal suspeito segundo informações da polícia, é o próprio marido, um ex-agente penitenciário identificado como Ivanhoé.

 

De acordo com informações de moradores, o casal vivia em constantes brigas e na madrugada desta sexta-feira (21) durante mais uma crise no casamento, o marido tomou posse de uma faca e desferiu vários golpes no pescoço de sua companheira e em seguida a degolou. Não satisfeito o criminoso pegou a cabeça de Larissa e a deixou na frente da casa da mãe da vítima, e em seguida, fugiu tomando rumo ignorado.

 

Moradores desconfiado com os gritos que escutaram, foram até a residência e encontraram a mulher morta.

 

A Polícia Militar foi acionada e isolou a área para os trabalhos dos perito em criminalística, em seguida colheram as características do suposto autor do crime, fizeram patrulhamento na região, mas ele não foi preso.

 

O corpo da adolescente foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para os exames cadavéricos.

 

De acordo com o Delegado Martins, coordenador da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) as investigações já iniciaram em busca de prender o suspeito que deve ser indiciado pelo crime de feminicídio.

Larissa vivia com o marido há quase dois anos.

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS