BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

Supremo Tribunal confirma sentença que condena Messi a 21 meses de prisão

Em causa estão três crimes de fraude fiscal.

Da Redação

24 de Maio de 2017 às 09:20

Foto: Divulgação

O Supremo Tribunal espanhol confirmou, esta quarta-feira, a sentença da Audiência de Barcelona, que, em julho do último ano, condenou Lionel Messi e o seu pai, Jorge Messi, a 21 meses de prisão.
A notícia é avançada pela rádio espanhola Cadena SER, que refere que, em causa, estão três crimes de fraude fiscal, cometidos num período entre 2007 e 2009, que terão custado, ao Estado, quatro milhões de euros.
O Tribunal considerou provado que o avançado do Barcelona ocultou, desde 2005, receitas provenientes de direitos de imagem, fazendo uso de uma empresa offshore.

A defesa do internacional argentino reconheceu que existia uma “suspeita justificada de que as suas receitas de direitos de imagem não tivessem uma origem clara”, mas alegou que este estaria alheado deste tipo de negócios.

 

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS