BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

Dilma segue rotina normal e frequenta lanchonete em Pelotas

O nome se deve ao ingrediente especial do lanche, que leva vinho, alcatra picada, cebola, queijo, alface, milho, ervilha e pepino. Além do hambúrguer, Dilma pediu batata frita e ganhou como cortesia um mousse de chocolate “para viagem”. Ela teria achado a

Da Redação

08 de Novembro de 2016 às 09:03

Foto: Divulgação

A ex-presidente Dilma Rousseff não tem seguido muito à risca a dieta Ravenna, que a fez perder mais de dez quilos quando ainda era chefe do Executivo. Neste sábado, a caminho de Porto Alegre, a ex-presidente fez um pit stop em Pelotas, no interior do Rio Grande do Sul, para comer um conhecido hambúrguer da região – o Cheese Bebum.

O nome se deve ao ingrediente especial do lanche, que leva vinho, alcatra picada, cebola, queijo, alface, milho, ervilha e pepino. Além do hambúrguer, Dilma pediu batata frita e ganhou como cortesia um mousse de chocolate “para viagem”. Ela teria achado a lanchonete pelo site TripAdvisor. A dieta Ravenna veta a ingestão de carboidratos de alto índice glicêmico, como pães, massas e doces.

“Foi um acontecimento para nós. Nunca pensamos que uma ex-presidente viria à nossa pacata lanchonete [a Circulu’s] no interior do Rio Grande. Tivemos que acomodá-la no nosso escritório para que ela pudesse comer em paz. Havia muita gente querendo ver e tirar foto com ela”, contou a proprietária Juliana Brum Medeiros, que, apesar do entusiasmo com a ilustre presença, disse ter votado em Aécio Neves (PSDB) na eleição de 2014. 

Segundo a dona, ex-presidente alavancou o movimento de sábado à noite e a fama da lanchonete nas redes sociais. Duas fotos que mostram Dilma posando com os funcionários já tem mais de 5.000 curtidas, 1.000 compartilhamentos e 600 comentários no Facebook — obviamente, nem todos favoráveis à petista. Dilma estava acompanhada do ex-ministro da Previdência Pepe Vargas e de três seguranças, e retornava de carro do Uruguai à capital do Rio Grande do Sul. No mesmo sábado, ela havia sido recebida mais cedo pelo presidente uruguaio Tabaré Vázquez.

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS