BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

Amazonas - Manaus será base de exportação da Gree

Amazonas - Manaus será base de exportação da Gree

Da Redação

14 de Abril de 2007 às 09:18

Foto: Divulgação

A empresa chinesa Gree de aparelhos de ar condicionado, com sede na cidade de Zhuhai, vizinha de Macau, vai passar a exportar para a América Latina a partir de julho por meio de sua unidade brasileira, localizada em Manaus. *A subsidiária brasileira planeja exportar até metade de sua produção para a Argentina, Chile e Venezuela, segundo anunciou a agência Macauhub. O diretor da Gree, Yue Haiping, afirmou que a instalação da unidade no Brasil, em 2001, fez parte de uma estratégia de atuação em todo o mercado latino-americano. *A unidade brasileira, montada em junho de 2001, foi a primeira subsidiária da Gree no exterior, que recentemente instalou também uma fábrica no Paquistão, além de escritórios na Europa, Ásia e Rússia. Maior fabricante de aparelhos de ar condicionado do Brasil, a unidade tem 250 empregados e deve produzir cerca de 180 mil unidades até o fim do ano. *Atualmente, a unidade em Manaus produz apenas uma parte dos aparelhos vendidos no Brasil. A maioria ainda é produzida na China e exportada para o mercado brasileiro. As importações da unidade brasileira passaram de 60% para 80% do total comercializado no Brasil, por causa da recente valorização da moeda brasileira. *A Gree lidera o setor de splits (aparelhos de ar condicionado de última geração) no Brasil e disputa o quarto lugar no segmento de ar condicionado de janela. A comercialização de produtos no Brasil iniciou-se em 1998, por meio de um importador local, mas um ano depois a empresa chinesa assumiu diretamente a venda de seus produtos. *A Gree Corporation, com sede em Zhuhai, zona econômica especial próxima a Macau, encontra-se no 88º lugar entre as 500 maiores empresas da China e no 15º lugar entre as 50 maiores empresas de Zhuhai. *O grupo tem capacidade para produzir anualmente 10 milhões de aparelhos de ar condicionado, 8 milhões de pequenos eletrodomésticos, 100 milhões de disquetes, entre outros produtos. A Gree tem interesses ainda nos setores petroquímico e de construção civil.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS