close

CALAMIDADE: Prefeito Hildon Chaves não resolve e o caos se instala na UPA Zona Leste

No estabelecimento, só são atendidos pacientes em estado grave

DA REDAÇÃO - JOÃO PAULO PRUDÊNCIO

7 de Fevereiro de 2020 às 15:37

Mesmo com a abertura de concurso público, contratos temporários, entre outras medidas tomadas pelo prefeito de Porto Velho, o ex-promotor Hildon Chaves, a situação do atendimento básico de saúde continua crítica.

 

Durante a noite desta última quinta-feira (6), os cidadãos que precisaram dos serviços oferecidos pela Unidade de Pronto Atendimento, na zona Leste – UPA, tiveram de esperar por várias horas para serem recebidos pelos médicos, outros sequer conseguiram chegarem a passar da triagem.

 

De acordo com a comunidade que estava no local, um servidor da unidade afirmou que teriam de ter três médicos, porém apenas um estava trabalhando, motivo pelo qual o atendimento ficou apenas para quem chegou na UPA em situação de urgência ou emergência médica.

 

Vídeo em instantes. 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS