close

DESUMANO: Ada Dantas exige capas de chuva para Garis da Concessionária Marquise

Um morador da zona leste avistou os funcionários da Eco Porto trabalhando na chuva e sem capa de proteção

ASSESSORIA

30 de Janeiro de 2020 às 14:20

DESUMANO: Ada Dantas exige capas de chuva para Garis da Concessionária Marquise

FOTO: (ASSESSORIA)

Durante a manhã desta quinta-feira (30), trabalhadores que realizam a coleta de lixo nas ruas da capital foram flagrados exercendo suas funções debaixo de chuva, sem o devido Equipamento de Proteção Individual (EPI) que lhe garante proteção contra resfriados, bem como outras enfermidades.

 

Um morador da zona leste avistou os funcionários da Eco Porto trabalhando na chuva e sem capa de proteção, porém, devido à chuva estar bastante forte não conseguiu fazer registro fotográfico. Já no Bairro Cidade Nova, na zona sul da capital, outro morador flagrou os servidores trabalhando com insalubridade.

 

 

 

 

Gari tem direito de capa de chuva para o trabalho, pois faz parte das normas de segurança, que tem a intenção de prevenir os trabalhadores de doenças e acidentes. É desumano colocar o gari pra trabalhar recolhendo o lixo nessa época, sem a capa de chuva”, desabafou a vereadora Ada Dantas Boabaid.

 

A vereadora encaminhou o ofício 018/2020 ao gerente de filial, Emiliano Marinho, da Marquise Concessionária de Coleta de Lixo, solicitando que seja disponibilizada capas para a proteção contra a chuva aos garis. “Por ser serviço realizado por uma concessionária de serviço público, cabe a mim, como vereadora, fiscalizar e buscar solução para que os trabalhadores possam executar seus serviços com mais dignidade”, finalizou a vereadora.

 

NOTA DA MARQUISE

 

A Construtora Marquise possui profissionais responsáveis pela implantação de ações e medidas destinadas ao cumprimento das normas de segurança e medicina do trabalho. Todos os nossos colaboradores recebem treinamento e equipamentos de proteção individual, conforme as atividades que desempenham. Especificamente em relação à capa de chuva, é um equipamento fornecido pela empresa, mas de uso facultativo.”

 

 

 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS