close

ÁSIA: Hildon Chaves não fala e viagem para a Coréia do Sul continua envolta em mistério

Ele também visitou o Japão e teve mais de R$ 28 mil acrescidos ao salário somente em diárias, mas até o momento não explicou o que foi feito durante o tour

REDAÇÃO - IVANILSON FRAZÃO

23 de Novembro de 2019 às 09:05

ÁSIA: Hildon Chaves não fala e viagem para a Coréia do Sul continua envolta em mistério

FOTO: (Divulgação)

O prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves(PSDB), concedeu na manhã da última sexta-feira(22), no prédio da administração municipal, uma entrevista coletiva para tratar da problemática questão do transporte escolar da capital; contratação de profissionais; reforma de unidades de saúde e programação de Natal.

 

Essa foi a primeira coletiva de Hildon Chaves, após a sua viagem internacional pelo continente asiático, quando visitou países como a Coréia do Sul e Japão. Ele saiu de Porto Velho, no último dia 5 de novembro e retornou para a capital rondoniense no dia 21.

 

Somente em diárias internacionais, o chefe do executivo local irá ter mais R$ 28.573,02 no salário, pagas pelos moradores da cidade. Cada diária para viagem internacional do prefeito custa aos cofres municipais valor de R$ 2.040,93.

 

Além de Chaves, o titular da Secretaria-Geral de Governo, Basílio Leandro de Oliveira, também acompanhou ele até a Coreia do Sul e as devidas diárias pagas pelo contribuinte.

 

O tour do prefeito pelo outro lado do mundo tinha, segundo o Diário Oficial da Prefeitura de Porto Velho, objetivos educacionais e culturais no distrito de Namyangiu, na Coreia do Sul, onde seria assinada uma carta de cooperação com a Associação de Pequenas e Médias Empresas da região.

 

As circunstâncias, os custos e o mistério em torno dessa viagem para a Ásia feita pelo prefeito, tem chamado a atenção da população e de alguns vereadores que pedem explicações sobre o assunto.

 

Na coletiva de hoje esperava-se que Hildon Chaves falasse sobre a viagem e o que foi feito na Ásia, de concreto, para beneficiar a cidade e os moradores de Porto Velho. No entanto, assim como nada foi divulgado pela assessoria de comunicação da prefeitura durante a excursão, o silêncio em torno do assunto continuou nas falas do chefe do executivo.

 

No período em que estava na Coréia do Sul, a reportagem procurou a assessoria de comunicação institucional da Prefeitura, para saber mais sobre as atividades desenvolvidas por Chaves na Ásia.

 

A informação dada foi a de que um material sobre o trabalho do prefeito na Coreia do Sul está sendo produzido e será publicado em breve. Assim, resta para a população aguardar pelo relatório.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS