close

ESPAÇO ABERTO: Após quase 2 anos recursos atrasados chegam ao hospitais

Confira a coluna

RONDONIAOVIVO

27 de Fevereiro de 2019 às 08:36

ESPAÇO ABERTO: Após quase 2 anos recursos atrasados chegam ao hospitais

FOTO: (Divulgação)

HOMENAGEM PARA A CULTURA


Nesta quarta-feira (27) a Câmara de Vereadores de Porto Velho tem audiência pública para homenagem e menção honrosa às escolas de samba e blocos carnavalescos da capital. A inciativa partiu do vereador Aleks Palitot que é um incentivador da cultura e da história regional em nosso estado. A sessão começa às 15h00 no plenarinho da Câmara.

 

 

PODE INTERROMPER TRÂNSITO


Moradores da região de Nova Mamoré estão assustados com a possibilidade de ficarem ilhados e não conseguirem se deslocar para a capital. Leitor da coluna mandou vídeo mostrando a água quase cobrindo a ponte do Araras que dá acesso ao município para quem vem da BR 364 em direção a Guajará  Mirim. A situação é preocupante também em outras regiões do estado que estão passando pelo mesmo problema.

 

 

 

 

 

SAINDO DO SUFOCO

 

O governo de Rondônia começou pagar, para municípios que possuem hospitais de pequeno porte, valores referentes às cotas destinadas ao custeio das unidades de Saúde. O pagamento estava atrasado desde 2017, causando um grande transtorno para as prefeituras e população usuária do Sistema Único de Saúde (SUS).


Os valores pagos são de recursos do Fundo Estadual de Saúde, e que tem como meta melhorar o atendimento da atenção básica nos municípios para desafogar as unidades de alta complexidade da rede estadual no Complexo de Cacoal e em Porto Velho, cidades polos em Rondônia.


No total, nos primeiros dois meses de governo, foram injetados R$ 5.667.173,78, de valores referentes aos meses em atraso e as parcelas de 2019. A meta da Secretaria Estadual de Saúde (Sesau) é quitar todos os atrasados até o fim deste ano, junto com os repasses da atual gestão.


A política nacional para os Hospitais de Pequeno Porte, instituída pela Portaria GM/MS 1.044, de 01 de junho de 2004, faz parte de um conjunto de medidas e estratégias adotadas pelo Ministério da Saúde com vistas ao fortalecimento e aprimoramento do Sistema Único de Saúde.

 

 

 

 

PARCERIA ENTRE EMBRAPA E EMATER FORTALECE PISCICULTURA


 
A oficina de nivelamento, realizada em parceria entre Seagri, Emater-RO e Embrapa, nos dias 21 e 22 de fevereiro, em Pimenta Bueno, trouxe  uma nova dimensão à produção de tambaqui de Rondônia. O projeto Sistema de Inteligência Territorial Estratégica para Aquicultura na Amazônia, da Embrapa, será inserido em outras regiões do estado, propiciando suporte aos piscicultores atendidos pela Emater-RO. A proposta visa fortalecer o serviço de assistência técnica e extensão rural prestada no projeto de piscicultura na prática de levantamento de custos e receitas da produção de peixes, em particular da espécie tambaqui com uso de ferramentas de gestão da propriedade rural e assistência técnica específica de qualidade.


A parceria firmada entre a Emater-RO e a Embrapa para implantação do Sistema de Inteligência Territorial Estratégica para Aquicultura na Amazônia é financiado pelo Fundo Amazônia e contemplava inicialmente, somente os territórios Vale do Jamari e Central, considerados os maiores produtores de pescado de cativeiro do estado. No entanto, por entender ser essa uma ação que oferece um serviço relevante aos piscicultores de Rondônia, a Secretaria de Estado da Agricultura (Seagri), por meio de sua Coordenadoria de Desenvolvimento Agropecuário que abriga a Gerência de Aquicultura e Pesca do Estado, estendeu o trabalho a todos os territórios do estado de Rondônia de modo que os piscicultores possam ter valores referenciais de custos e receitas da atividade.

 

 

 

 

 

EDUCAÇÃO PARA O TRÂNSITO NO CARNAVAL

 

A  campanha “Motorista Camarada”, que é desenvolvida durante o ano todo pelo Detran, está sendo intensificada nesse período de carnaval em Porto Velho, que teve início no último dia 22 e vai até o dia 13 de março. Ao todo serão 14 dias de desfile de blocos na Capital de Rondônia e, segundo o Detran, servidores do órgão estarão presentes com distribuição de material educativo e com a participação de técnicos do Detran que usarão o microfone dos trios elétricos para falar com os foliões sobre os cuidados para um trânsito e uma festa alegre e segura.


O Detran está atuando com campanhas educativas conscientizando a população sobre os riscos envolvidos no trânsito e sobre a importância de se observar e obedecer a legislação, no que se refere ao binômio álcool e direção. Também está sendo feito um trabalho de repressão para quem está em desacordo com a legislação. 

 

 

NA LUTA PELA CERTIFICAÇÃO


O  processo de certificação de origem geográfica do café de Rondônia, proposta apresentada à ABDI em 2016 em reunião realizada em Cacoal que se estendeu para 14 municípios produtores de café das regiões Central e Zona da Mata está em ritmo acelerado. 
A certificação de origem de um produto não é uma coisa rápida, mas o processo para criação de uma marca para o café robusta de Rondônia está bastante adiantado, diz o consultor Aguinaldo Jose de Lima, representante da empresa vencedora da licitação para orientar a criação do selo de certificação, na modalidade denominação geográfica, para o café de Rondônia.


Para ser aceito no mercado o café certificado de Rondônia deverá oferecer, além de qualidade verificável, um volume de produção de até 200 sacas por produtor e um volume total de 20 mil sacas para esta primeira comercialização. É importante o estabelecimento destas cotas de produção porque se não houver volume suficiente para fechar carga de uma carreta, não haverá viabilidade econômica para o negócio, explica o técnico consultor.


Já para o próximo mês de maio estão sendo convidados grandes compradores de café para visitarem as lavouras dos produtores que assinaram os termos de adesão ao currículo de sustentabilidade e se habilitaram ao programa de certificação geográfica. Durante a visita, os representantes das indústrias e trades poderão comprovar a qualidade e as boas práticas de produção do café Robusta Amazônico.

 

 

COMUNICADO SAMU


O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), informa a população que o número para chamadas 192 ficará impossibilitado de receber chamadas nesta quarta-feira 27/02 de 8h30 às 10h30, devido a manutenção do padrão de energia que será realizada pela Ceron.


A população poderá solicitar o socorro nesse horário através do 193 (bombeiros) ou pelo 9 8473-6211. Que momento para manutenção. Justo na correria de carnaval.

 

 

 


BURACO DO CANDIRÚ


A turma do Carnaval da Confraria já está com a fantasia pronta para o próximo dia 03, domingo, às 16h00. Os já tradicionais foliões que se encontram por lá convidam para os festejos que prometem virar a noite. O Buraco fica na rua Guiana, 2863, bairro Embratel, em frente ao Condomínio Porto Velho II. Informações sobre o evento 99292.4191. Haja fôlego para tanta festa que vem por aí. 

 


LEITOR RECLAMA

 

Boa tarde a nobre coluna!

 

Venho denunciar por aqui, o descaso da prefeitura de porto velho junto à população da avenida Calama, logo que termina o asfalto, bairro planalto!

 

As reclamações já foram milhares de dezenas nos últimos anos e até o presente momento nada de ação (asfaltar) ou de fazer algo paliativo.

 

Porque a buraqueira é tensa e a poeira está demais. Foi assim no verão e está sendo agora com as chuvas.

 

Ps: ou pelo menos asfaltar uns 400 metros urgentemente, pois a "rua Emnandes índio" possui asfalto!

 

*sendo assim, já seria de grande valia e uma enorme vitória para nós moradores esses 350/400 metros serem asfaltados.

 

Desde já, agradeço muito pela atenção.

 

Att,

 

Lucas Alves de Lima.

 

 

 

Mande suas sugestões de pauta, fotos, denúncias ou reclamações para espacoaberto@rondoniaovivo.com

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS