close

ESPAÇO ABERTO: Polícia prende secretário e adjunto da Semtran em Porto Velho

Confira a coluna

RONDONIAOVIVO

19 de Dezembro de 2018 às 09:02

ESPAÇO ABERTO: Polícia prende secretário e adjunto da Semtran em Porto Velho

FOTO: (Arte/Rondoniaovivo)


DOAÇÃO


Acontece nesta quarta-feira (19), ás 8h30 da manhã, na sede do 1ºBPM ( Batalhão de Polícia Militar ), a entrega de 100 cestas básicas para famílias carentes da capital. As cestas foram doadas pela LBV (Legião da Boa Vontade ) e vão ser destinadas às famílias que fizeram um cadastro no batalhão onde comprovaram a necessidade do auxílio. Parabéns ao tenente Nascimento pela iniciativa, Ele que sempre está envolvido em atividades sociais do 1ºBPM.


SE APROXIMAR


Quem deu uma passada na festa dos jornalistas, na noite de segunda-feira (17), foi o sargento Eyder Brasil, deputado estadual eleito pelo PSL. Eyder, inclusive, chegou a pedir o microfone  para fazer uma saudação aos participantes. Positiva a ação do futuro deputado que durante a campanha, em um momento infeliz, criticou a imprensa. É compreensível que no calor da campanha “escape” algumas manifestações não tão elegantes mas no encontro de segunda com os jornalistas Eyder manifestou a vontade de trabalhar com afinco por Rondônia e ter a imprensa ao seu lado para apoiar nas ações positivas para a sociedade. Meu caro Eyder, não tenho dúvidas que a imprensa vai ser a primeira a avalizar seus atos nobres pela nossa querida Rondônia.


ALMOÇO


Nesta quinta-feira (20), a 17ºBIS (Brigada de Infantaria de Selva) realiza um almoço de confraternização com representantes de entidades ou pessoas que de alguma forma foram parceiros da 17º BIS em 2018. General Leal, comandante da Brigada de Selva, também vai aproveitar para apresentar um balanço das atividades desenvolvidas no decorrer do ano. Este colunista agradece o convite e a amizade do General Leal que costuma atender a imprensa com presteza e eficiência toda vez que solicitado.


DIPLOMAÇÃO


A cerimônia de diplomação dos eleitos em 2018 foi uma festa da democracia com muitos discursos prontos e seguindo o mesmo protocolo de promessas, mudanças, enxugamento da máquina, redução de secretarias e outras metas que vão fazer o estado crescer e se tornar ainda maior. Bem, 2019 está quase batendo na porta então fica a esperança para todos de que realmente os escolhidos pelo povo digam realmente para que vieram. Cabe a nós jornalistas fiscalizar desde o primeiro momento, elogiar as ações positivas e exigir explicações quando houver dúvidas, principalmente, em ações que tiver dinheiro público envolvido.


SEM DIPLOMA


O deputado eleito, vereador Jair Monte, preso desde o último dia 14, não recebeu o diploma e nem mandou representante com procuração, o que é permitido pela lei. O  advogado de Jair, Nelson Canedo, informou que vai hoje, quarta-feira (19), buscar o diploma do deputado eleito. Canedo informou também que, ainda esta semana, o caso dele seguirá para o Supremo Tribunal de Justiça. Jair  Monte é um dos investigados na Operação Apocalipse deflagrada em 2013.

 

NÃO APARECEU


O prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves, não esteve na posse dos eleitos em 2018. Mandou um secretário municipal para representa-lo. Uma fonte repassou para a coluna que o prefeito passou o dia envolvido em gravações de vídeo que mostram  suas ações como prefeito durante o ano. O material deve ser divulgado como campanha institucional da prefeitura.

 


PRISÃO DE SECRETÁRIO

 


A Delegacia de Repressão as Ações Criminosas Organizadas (Draco) cumpre na manhã desta quarta-feira (19) 08 mandados de prisão referente as investigações ao processo de manutenção de semáforos da capital. 


Segundo a polícia, foram presos o secretário da Semtran - Carlos Henrique da Costa, o adjunto Fábio Sartori Vieira e o proprietário da Empresa Imagem, responsável pelas manutenções em semáforos.

 


DESTITUIDO


Informações obtidas pela coluna revelam que o Conselho de Acionistas da Rede Amazônica teria destituído o Diretor Geral da Empresa, Phelippe Daou Junior, filho do fundador da Rede, Phelippe Daou, morto em 14 de dezembro de 2016,  da parte financeira do Grupo. Phelippinho, como é conhecido, continuaria sendo o CEO do grupo mas sem poder para gerir o financeiro. Uma fonte revela, por exemplo, que a antecipação da segunda parcela do 13º salário, prevista para ser paga somente amanhã, foi depositada ontem.  

 

FILME

 


É hoje o lançamento do documentário sobre Nazaré. O Documentário “Nazaré Encantada”, sobre a comunidade de Nazaré, na região do Baixo Madeira, será exibido pela primeira vez na cidade de Porto Velho no teatro Guaporé, dentro da programação “Mostra Mulheres no audiovisual- Estreias”.Apenas os próprios moradores do distrito e convidados, tiveram acesso a obra, numa sessão de pré-lançamento que ocorreu em julho durante o Festival de Nazaré. A produção, que tem direção de Simone Norberto, fotografia de Laelho Loyola, montagem de Michele Saraiva e trilha sonora do Minhas Raízes, grupo musical originário da própria comunidade, é uma homenagem à cultura ribeirinha e identidade amazônica.

 


O trabalho é resultante da dissertação de mestrado de Simone Norberto, ““Mitos e Identidade em Nazaré/RO, Uma leitura pós-colonial das manifestações culturais de uma comunidade ribeirinha”, defendida na Universidade Federal de Rondônia- Unir, sob a orientação de Miguel Nenevé. A banca deu nota dez ao trabalho realizado.

 


Recentemente, Simone Norberto, recebeu o prêmio de dez mil reais do Edital de Literatura da Sejucel para editar a obra, que será transformada em livro e distribuída para população. 

 


MULHERES NO AUDIOVISUAL

 


A programação da mostra Mulheres no audiovisual- Estreias, continua na quinta-feira dia 20 com o lançamento do documentário Vozes da Memória, de Raissa Dourado, agraciado com o Edital de audiovisual Lidio Sohn, do Governo do Estado por meio da Sejucel.
O filme evidencia a identidade cultural da cidade de Porto Velho, Rondônia., retratando o rio, personagens, costumes, a geografia afetiva da cidade, em uma composição de imagens de forma não ordenada que possa expressar a identidade submersa da cidade 
Vozes da Memória, através do registro audiovisual, revela um olhar contemporâneo da história a partir das vozes da periferia, da juventude, dos artistas, das comunidades indígenas, dos ribeirinhos e imigrantes. Confrontando o antigo e o novo, com a finalidade de oferecer um documento audiovisual sobre a formação da identidade cultural da cidade de Porto Velho.

 

Mande suas sugestões de pauta, fotos, denúncias ou reclamações para espacoaberto@rondoniaaovivo.com

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS