close
logorovivo2

Hildon e vereador Edésio discutem melhorias com conselheiros tutelares

A reunião aconteceu na terça, 12,onde na oportunidade, levou os representantes dos 4 conselhos tutelares.

DA REDAÇÃO

13 de Setembro de 2017 às 15:59

Hildon e vereador Edésio discutem melhorias com conselheiros tutelares

FOTO: (Divulgação)

O vereador Edésio se reuniu com o prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves, na terça-feira, 12, onde na oportunidade, levou os representantes dos 4 conselhos tutelares da capital e distrital.

Segundo os conselheiros, as más condições de trabalho têm dificultado desenvolvimento do trabalho, que são de suma importância para a população, o prefeito Hildon ouviu a todas as indagações e apresentou sugestões de melhorias, que ainda passara pela equipe jurídica do vereador Edesio para ser reavaliada, com a revogação da Lei nº 575 de 30 de Setembro de 2015 e a reformulação da Ler nº 510 de 26 de Dezembro de 2013. O secretário Claudinaldo Rocha da (SEMASF), Secretaria Municipal de Assistência Social e Família, apresentou mudanças na reunião, como o carro que o conselho era para usar dando suporte nos distritos que estava parado, entre outras melhorias .

O prefeito Hildon disse que após a lei ser alterada em alguns pontos voltara a ele e o mesmo mandará para Câmara aprovar em seguida o prefeito sancionará.

O vereador Edesio relata ''Primeiramente queria agradecer ao prefeito por nos atender e os conselheiros , pois estamos desde o inicio do ano nesta luta por melhores condições de trabalho para os conselheiros atenderem a população de forma digna, foram 2 audiências públicas no período de 6 meses, e nada havia sido feito, hoje demos um passo importe para melhoria, e só quem tem a ganhar é a população.’’

A conselheira Ana Cassia conta que foi bom o prefeito ter ouvido os representantes dos conselheiros tutelares, porque assim eles terão menção da realidade que as crianças e adolescente de Porto Velho vivem.

 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS