close
logorovivo2

EXCLUSIVO - Índios ameaçam derrubar torre do linhão e deixar Acre sem energia - VÍDEO

A tensão está de volta a região da Ponta do Abunã em Rondônia

DA REDAÇÃO

6 de Julho de 2017 às 17:10

A tensão está de volta a região da Ponta do Abunã em Rondônia. Diversos líderes da etnia Kaxarari estão indignados com a falta de energia em parte da Terra Indígena e preparam protesto que pode deixar o estado do Acre sem energia.

Reunidos em conselho, liderados pelo ancião Paulo kaxarari, gravaram um vídeo onde fazem reinvindicações sobre falta de energia, trafegabilidade das estradas e educação com mais qualidade. Para chamar atenção do poder público, prometem forte  protesto para o próximo dia 20 de julho.

Reclamam que foram feitos diversos contatos com Eletrobras e outros órgãos de governo estadual e não obtiveram sucesso.

Com o linhão da Eletrobras que leva energia para o estado vizinho passando ‘sobre suas cabeças’ e fixados dentro da T.I., ameaçam derrubar uma torre como forma de interromper fornecimento de energia para o Acre.

Informações de bastidores garantem que já iniciaram movimentação, inclusive com escolha de torre que será alvo de acampamento de indios, com montagem de barracas no seu entorno dentro da reserva indigena. Confirmada instalacao de cozinha e recolhimentos de pneus para queima do pé da torre.

SOLUÇÃO

Na Br364 existe uma subestação de rebaixamento de energia do linhão, que abastece a região de Guajará Mirim. Fica localizada nas proximidades do entrocamento da Br425. Uma alternativa é estender a energia desta subestação, através de linha até os distritos de Abunã, Fortaleza do Abunã, Vista Alegre, Extrema e Nova Califórnia para atenuar transtorno que moradores da região enfrentam

Atualmente estes distritos são atendidos por termelétricas, o que não garante energia de qualidade.

Confira o vídeo

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS