close
logorovivo2

Mulher de Lula avalia se ficará com triplex na praia

Segundo nota divulgada na sexta-feira (12) pelo Instituto Lula, a mulher do ex-presidente adquiriu em 2005 uma cota de participação da Bancoop (Cooperativa Habitacional dos Bancários de São Paulo), quitada em 2010, referente ao imóvel na planta.

DA REDAÇÃO

16 de Dezembro de 2014 às 08:59

Mulher de Lula avalia se ficará com triplex na praia

FOTO: (Divulgação)

Após comprar um apartamento de três andares no Guarujá (SP), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e sua mulher, Marisa Letícia, avaliam se manterão o imóvel, adquirido em 2005 e hoje avaliado entre R$ 1,5 milhão e R$ 1,8 milhão, ou se devolverão o apartamento e pedirão ressarcimento do investimento.

Segundo nota divulgada na sexta-feira (12) pelo Instituto Lula, a mulher do ex-presidente adquiriu em 2005 uma cota de participação da Bancoop (Cooperativa Habitacional dos Bancários de São Paulo), quitada em 2010, referente ao imóvel na planta.

"Com o atraso [na entrega da obra, prevista para 2007], os cooperados decidiram transferir a conclusão do empreendimento à OAS. A obra foi entregue em 2013", diz o texto assinado pela assessoria de imprensa do instituto.

Quando disputou a reeleição, em 2006, Lula informou ter pago R$ 47.695,38 à Bancoop pelo imóvel de 297 m². A nota não explica se o triplex também está em seu nome.

Ainda conforme o instituto, até agora Marisa não optou pelo ressarcimento ou pela compra do apartamento, alternativas oferecidas aos cooperados, "esperando a solução da totalidade dos casos".

Segundo o jornal "O Globo", a reforma do triplex terminou em dezembro, após o prédio ter sido concluído pela OAS, empresa investigada pela Operação Lava Jato.

Segundo a reportagem, funcionários do edifício afirmam que familiares de Lula já estão fazendo a decoração do apartamento. O ex-presidente teria aparecido apenas três vezes no local.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS