close
logorovivo2

Candidato do prefeito foi massacrado na disputa pela presidência do Sindeprof

POR VALDEMIR CALDAS

31 de Janeiro de 2019 às 14:14

A Ellis Regina é danada, mesmo! Não é que ela conseguiu emplacar mais uma reeleição para a presidência do Sindeprof, o Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Porto Velho, para despeito dos que trabalharam e torceram pela sua derrota. Nessa brincadeira, ela e seu irmão, Felisberto, vêm se reversando, nos últimos vinte anos, no comando do sindicato que abriga quase cinco mil filiados.

 

A vitória de Ellis foi o que se poderia chamar de um passeio no parque no final de uma tarde de domingo. Foram 1.746 votos contra pouco menos de 350 votos de seu concorrente. Não poderia ter sido mais tranquila. Ela literalmente atropelou seu adversário, levando de roldão seus apoiadores, o prefeito e um vereador, juntos. Foi, portanto, uma vitória tripla. Se é que se pode chamar de adversário um candidato que tira menos de 15% num universo de quase dois mil e duzentos votantes.

 

O prefeito pode ter escorraçado Ellis de sua base política, mas não conseguiu destroná-la da presidência Sindeprof. Bem feito! Quem mandou apostar suas fichas em azarão, sem credibilidade nenhuma no segmento funcional. O resultado não poderia ser diferente. Poderia ter sido poupado de mais esse vexame.

 

Posso até não concordar com muita coisa que Ellis diz e faz, mas tenho a humildade para reconhecer que ela desfruta de enorme prestígio junto a importante segmento do funcionalismo municipal. Não é fácil permanecer tanto tempo no comando de uma instituição sindical como ela e seu irmão têm-se mantido. É preciso trabalho duro e muito jogo de cintura. À coluna, pois, só resta cumprimentar a nova (?) diretoria do Sindeprof pela vitória.

 

MAIS COLUNAS

Valdemir Caldas

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS