close
logorovivo2

Índio Kaxarari é morto por pistoleiros na Ponta do Abunã

A extração ilegal de madeiras da T.I. Kaxarari pode ser o motivador do crime

DA REDAÇÃO

27 de Junho de 2017 às 10:36

Índio Kaxarari é morto por pistoleiros na Ponta do Abunã

FOTO: (Divulgação)

Um índio da etnia Kaxarari foi assassinado com vários disparos de arma de fogo na região da Ponta do Abunã em Rondônia. A vitima Manoel Quintino da Silva kaxarari (40) foi morto na Vila Marmelo, localizada na Br 364 entre Extrema de Rondônia e Vista Alegre do Abunã.

Por volta de 19hs de segunda-feira (26), dois homens encapuzados desceram de uma motocicleta e chamaram por Manoel, que ao atender, foi alvejado com tiro no rosto. O índio ainda correu em direção ao quarto, mas foi alcançado e recebeu vários disparos pelas costas. Uma criança também foi atingida de raspão pelos pistoleiros.

O indígena era uma das antigas lideranças da aldeia Pedreira e atualmente estava agregado na aldeia Buriti. A extração ilegal de madeiras da T.I. Kaxarari por uma máfia de madeireiros pode ser o motivador do crime. O corpo foi enviado para Porto Velho.

*Aos leitores, ler com atenção*

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS