close
logorovivo2

Bando que invadiu supermercado para roubar caixa eletrônico é preso pela PM

Bando que invadiu supermercado para roubar caixa eletrônico é preso pela PM

DA REDAÇÃO

3 de Novembro de 2015 às 12:49

Bando que invadiu supermercado para roubar caixa eletrônico é preso pela PM

FOTO: (Divulgação)

Uma guarnição da Polícia Militar prendeu uma quadrilha especializada em arrombamento de caixas eletrônicos na madrugada desta terça feira (3), no supermercado Gonçalves localizado na Avenida Raimundo Cantuária Próximo à Avenida Mamoré, bairro Lagoinha Zona Leste de Porto Velho.

Informações policias dão conta que um veículo modelo Celta com quatro pessoas em seu interior foi visto transitando em atitude suspeita pela Mamoré. Os PMs fizeram abordagem e no interior do veículo foi localizado um rádio HT na frequência da polícia, dois cilindros com maçarico, e duas barras de ferro. Os suspeitos levaram os policiais até o mercado, onde o restante do bando foi localizado mantendo o vigilante refém e ainda tentado cortar os caixas eletrônicos.

Várias viaturas da PM fizeram o cerco em torno do supermercado e os acusados tentaram fugir pelo telhado, porém não obtiveram êxito e foram capturados. Os suspeitos foram identificados como ALDO M. S. (34), MARCELO J. O. C. (24), UALCSSON M. M. (22), ELISMAN I. B.S. (30), HARLON R B. S. (28), ALDAIR S. G. (26), GILMAR A. T. (24) e MAX C. F. (29).

O bando havia invadido o estabelecimento no momento em que o vigilante estava fazendo ronda. O trabalhador foi ameaçado e teve sua arma roubada, juntamente com as vestimentas. O homem foi amarado e um dos acusados, vestiu a farda de vigilante e ficou observando a movimentação em frente ao mercado.

O vigilante foi libertado pelos policiais, após ter passado horas sob a mira de armas de fogo. O bando foi levado para a Central de Polícia e ficou a disposição da Justiça. Aldo no momento da prisão apresentou documentação falsa e recebeu voz de prisão pelo crime de falsidade ideológica.

*Aos leitores, ler com atenção*

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS