close
logorovivo2

Amazonas - Empresário é encontrado morto dentro do carro

Amazonas - Empresário é encontrado morto dentro do carro

DA REDAÇÃO

4 de Maio de 2008 às 08:13

Amazonas - Empresário é encontrado morto dentro do carro

FOTO: (Divulgação)

O empresário José da Costa Agra Irmão, 48 foi encontrado morto dentro do seu carro, uma Pajero de placa JWX- 3827 no fim da manhã de ontem na estrada da Marina Tauá, próximo a entrada do Cetur, no Tarumã - zona oeste. A polícia ainda investiga o caso, mas não descarta a hipótese de suicídio. O empresário era proprietário da casa especializada em venda de alimentos para animais Doberman. O corpo do empresário foi encontrado por populares às 11h na estrada. Ele estava no banco do motorista com um tiro na cabeça e a arma, uma pistola 380 entre as pernas. A família não quis prestar declarações e a polícia não descarta a hipótese de suicídio. "O tiro que atingiu a cabeça foi no sentido do lado direito, no carro também não há sinais de arrombamento e arma ainda esta no local do crime. Nós trabalhamos com duas hipóteses, de assassinato e suicídio, mas vamos esperar o laudo pericial para verificar a verdade causa" declarou o investigador do caso que não quis se identificar. O carro foi encontrado por populares que acharam estranho o veículo, uma Pajero de placa JWX- 3827 parada no local há várias horas, quando chegaram próximo do vidro viram que o motorista estava ensangüentado e acionaram a polícia. No carro havia documentos e objetos de pesca. A Delegacia Especializado em Homicídios e Seqüestros (DEHS) esta investigando o caso, mas aguarda o laudo pericial sobre a causa da morte para dar continuidade nas investigações. O empresário morava no bairro do Japiim - zona sul e saiu de sua residência por volta das 09h de ontem. As 10h ele teria passado uma mensagem para o aparelho telefônico da esposa, de nome não identificado, dizendo que a amava e pedindo que ela cuidasse dos filhos. A família estava no local do crime, mas não quis se pronunciar sobre o caso. Levanta-se a suspeita de que ele possa ter se suicidado por causa de dívidas da loja. Ele era proprietário duas Casas Doberman, uma localizada no bairro do Jappim e a outra no bairro Parque Dez de Novembro - zona centro sul. O empresário também possuía uma outra loja, na Redenção - zona centro oeste, mas foi fechada há alguns anos. Ele era pai de três filhos, sendo dois do primeiro casamentos e um, de apenas oito anos do segundo casamento. O corpo do empresário foi liberado do Instituto Médico Legal (IML) por volta das 20h de ontem e encaminhado a funerária Almir Neves na Joaquim Nabuco no Centro da cidade.
*Aos leitores, ler com atenção*

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS