close

TRÁFICO: "Desde que deixei de morar com minha mãe, é o jeito de me sustentar”, diz preso

“Sentinela” era pago com drogas para avisar sobre chegada da polícia

FOLHA DO SUL ONLINE

18 de Dezembro de 2019 às 10:29

TRÁFICO: "Desde que deixei de morar com minha mãe, é o jeito de me sustentar”, diz preso

FOTO: (Divulgação)

Dois homens foram presos na manhã da terça-feira (17) por suspeita de envolvimento com o tráfico de drogas em Vilhena. Eles foram encontrados em um local que é conhecido como uma boca de fumo, no Setor 08.


 
A guarnição fazia patrulhamento quando um homem de 31 anos deixou o local. Ao avistar a viatura, ele voltou para dentro da casa e avisou outro homem para que ele fugisse pulando uma cerca de madeira que tem aos fundos do quintal. Mesmo assim, foi detido e assumiu que o motivo da fuga era por estar vendendo drogas.


 
Na casa, a polícia encontrou cinco “petecas” de pasta a base de cocaína e uma porção da mesma droga triturada, pronta para embalar.


 
O homem de 22 anos confessou que vende cada unidade do entorpecente do R$ 10 para se manter, pois desde que deixou de morar com a mãe, essa é a forma que tem encontrado para se sustentar.


 
Já quanto ao outro homem que estava no local, este era pago com drogas para vigiar a casa e avisar quando a polícia se aproximasse.


 
Ambos receberam voz de prisão e foram levados para a Unisp (Unidade Integrada de Segurança Pública), onde a ocorrência foi registrada e foram tomadas as providências cabíveis ao caso.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS