close

ARMADO: Prisão de madeireiro em Vista Alegre pode forçar novas operações da polícia

O madeireiro foi pego com duas armas, sendo um revólver calibre 38 e um rifle adaptado para calibre 22

CORREIO DE NOTÍCIA

3 de Agosto de 2019 às 08:54

ARMADO: Prisão de madeireiro em Vista Alegre pode forçar novas operações da polícia

FOTO: (Divulgação)

A prisão em flagrante do empresário do ramo madeireiro de 54 anos, portando armas sem registro, suscitou na última quinta-feira (02/08), a possibilidade de que poderá haver prorrogação, por mais algum tempo,  as ações policiais nessa parte da Ponta do Abunã.

 

O madeireiro foi pego com duas armas, (um revólver calibre 38 e um rifle adaptado para calibre 22). As armas estavam escondidas numa seção do porte-fólio de uma caminhonete TRITON de sua propriedade. Ele transitava armado pelas ruas da cidade, como de costume, segundo testemunhas.

 

A atitude suspeita do madeireiro – que já teria saído ileso das últimas operações da Polícia Federal, em conjunto com o IBAMA e a Força Nacional Segurança (FNS) – só foi possível porque teria sido delatado. Na abordagem, a atitude suspeita apresentada pelo empresário, fez com que fosse feita uma varredura completa no veiculo.

 

 

Apesar de estar com documentos pessoais e do veículo ‘limpos na parada’, disse uma fonte deste site de notícias na região, ‘o madeireiro foi conduzido à Delegacia para os procedimentos cabíveis’. As armas apreendidas, de acordo com fontes policiais, serão periciadas e  juntadas ao inquérito policial competente.  

 

A prisão do acusado foi feita por uma guarnição especial do Batalhão de Choque (BC-RO) que, por acaso, chegara à sede deste Distrito da Ponta do Abunã. O empresário foi abordado e preso quando cruzava as Ruas E e 8, na área central da cidade, local de grande fluxo de pedestres e caminhões (boiadeiros e toreiros) que transportam gado e madeiras em toras extraídas das florestas do Sul de Lábrea, no Amazonas.

 

Municiados, o revólver calibre 38 e o rifle adaptado, respectivamente, não tiveram as marcas reveladas pela Polícia. Tampouco, foi permitido o registro fotográfico do acusado. Quanto às munições, foram catalogadas e juntadas no inquérito policial sobre a ocorrência.

 

Parte entre os dez distritos de Porto Velho, Vista Alegre foi criado em 22 de dezembro de 1981 e em números divulgados, oficialmente, pelo Censo de 2010 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), a população contada é de 4.125. Tem densidade de 3,2 habitantes por quilômetro quadrado em uma área de 1.427,3.

 

Desde o século passado, com a maioria dos donos de madeireiras e fazendeiros fugidios e/ou migrados do Vale do Guaporé para os distritos da Ponta do Abunã, Vista Alegre vem ganhando fama nas crônicas policiais, ao lado de Jacy-Paraná, como um dos mais violentos do Estado.

 

Os crimes de maior repercussão que ocorrem na cidade e na zona rural deste Distrito, segundo dados da Policia, são atribuídos a madeireiros e fazendeiros em disputa pela posse de terras com potencial madeireiro em florestas ainda em pé no Sul de Lábrea, cujas madeireiras são alvos das operações ‘Arco de Fogo’ e Dinízia, respectivamente, da Polícia Federal, IBAMA, Força Nacional de Segurança e das Forças Armadas.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS