close
logorovivo2

DENÚNCIA: Manifestantes vão ao MP e ameaçam paralisar transporte escolar

Mãe de aluno desmentiu declarações de secretário de Educação

FOLHADOSULONLINE

11 de Março de 2019 às 10:38

DENÚNCIA: Manifestantes vão ao MP e ameaçam paralisar transporte escolar

FOTO: (Divulgação)

Cerca de 15 pais de alunos da zona rural de Vilhena estiveram no Ministério Público da cidade, na manhã desta segunda-feira (11) para denunciar a precariedade e os riscos oferecidos pelo transporte escolar feito nas linhas. Na sexta-feira, 07, um ônibus tombou com mais de 60 crianças a bordo e causou grande repercussão negativa.

 



Apenas representantes de duas associações rurais serão ouvidos hoje no MP. O restante dos manifestantes anunciou que vai registrar queixa na polícia e, em seguida, marchará até a Semed, para protestar contra a situação.



Por telefone, a mãe de um estudante que é transportado em ônibus que, segundo ela, não tem condições de trafegar, relatou que a maioria dos pais pretende fechar as linhas rurais para impedir que os alunos embarquem nos veículos.



A mulher aproveitou para desmentir o secretário de Educação, Clésio Costa, que após o acidente disse que nenhuma criança havia sofrido ferimento grave. “É mentira dele. Teve aluno com braço quebrado e com vários pontos na cabeça”.

 



Os pais pretendem pressionar a Semed a melhorar o estado dos coletivos e também resolver o problema da superlotação: “Tem ônibus com capacidade para 40 trazendo mais de 60 crianças. Eles que resolvam isso, porque vamos parar todo o transporte”, avisa a manifestante.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS