close
logorovivo2

MEIO AMBIENTE: Mutirão de limpeza retira 9 toneladas de lixo das margens do Rio Guaporé

O Guaporé possui uma riquíssima biodiversidade que atrai centenas de pessoas ao ano para a prática pesqueira

ASSESSORIA

1 de Dezembro de 2018 às 09:22

MEIO AMBIENTE: Mutirão de limpeza retira 9 toneladas de lixo das margens do Rio Guaporé

FOTO: (Assessoria)

O Mutirão Anual de Limpeza do Rio Guaporé retirou nove toneladas de lixo das margens do rio, na ação realizada este ano. A ação, que já acontece há 10 anos em Cabixi (RO), foi ampliada em 190km, no município de Pimenteiras do Oeste (RO), chegando até a localidade de Remanso, na Bolívia. A limpeza ocorreu no mês de novembro dividida em duas etapas, dias 15 a 17 em Cabixi e dias 22 a 25 em Pimenteiras.

 

Na primeira etapa, foram percorridos cerca de 250 quilômetros por água. Além do Guaporé, a limpeza se estendeu pelos afluentes Cabixi, Piolho e Escondido. Nos três dias de coleta foram retiradas quatro toneladas de lixo.

 

O idealizador do movimento, o ambientalista José Ribeiro da Silva, afirma que o lixo diminuiu no decorrer dos anos, mas a quantidade de resíduos deixados por turistas nos acampamentos de pesca, e também por moradores locais, ainda preocupa.

 

As pessoas precisam tomar consciência da importância do Rio Guaporé. Temos que preservar e deixar algo bom para nossas gerações futuras. Hoje podemos aproveitar os benefícios que o rio nos traz, mas temos que pensar no amanhã”, disse.

 

O Guaporé possui uma riquíssima biodiversidade que atrai centenas de pessoas ao ano para a prática pesqueira. Entre os itens recolhidos das margens do rio estão latinhas e garrafas de cerveja, pneus, televisores, fogões, geladeiras, sofás, entre outros.

 

 

 

 

O movimento que começou com José Ribeiro e pescadores de Cabixi, juntou forças do comércio local e da população da cidade. O grupo “Cristãozinhos Ambientais”, formado por crianças, foi criado para ajudar na ação e na conscientização ambiental. A Sicoob Credisul se tornou parceira no movimento em 2015.

 

 

Campanha #SomosTodosGuaporé 

 

Em 2017, a Sicoob Credisul iniciou a campanha #SomosTodosGuaporé de apoio ao mutirão de limpeza, para dar visibilidade à ação. O vídeo sobre a coleta de lixo publicado no Facebook já alcançou 14 mil visualizações e tem inspirado pessoas de todo o País. No dia 22 de novembro, a campanha recebeu o Prêmio Concred Verde, pelo terceiro lugar na categoria Concred Ambiental, em Florianópolis (SC), realizado pela Confebras.

 

 

Em consonância com um dos princípios do cooperativismo, que é o interesse pela comunidade, a Sicoob Credisul criou a campanha como forma de divulgar com mais força a ação desenvolvida com a ajuda de moradores, comerciantes, pescadores e instituições locais. Para isso, produzimos um vídeo mostrando a coleta e a força de união deste grupo”, afirma Adevania Silveira, coordenadora de Marketing e Comunicação. A Sicoob Credisul possui agências nas duas cidades onde a ação é realizada.

 

Este ano, a cooperativa ampliou a parceria, apoiando a coleta em Pimenteiras. O prefeito da cidade, Olvindo Luiz Dondé, juntamente com outras autoridades municipais, de imediato aderiu ao mutirão.

 

Na segunda etapa, cinco toneladas de lixo foram retiradas das margens do rio, durante os quatro dias de trabalho. Uma equipe comandada pelo secretário municipal de Turismo, Elisan Hermont Andrade Gomes, realizou a limpeza a partir da comunidade de Remanso, na Bolívia, e percorreu 190 quilômetros pelo rio até Pimenteiras.

 

A bordo da embarcação Talismã, cedida pelo empresário Jorge Spohr, o grupo integrado por Pedro Spohr, Mateus Nery Macedo, Rubinho Ribeiro Eguez, Ucho Herrera e Rubens dos Santos Riveiro, recolheu resíduos nas duas margens do Guaporé, percorrendo todos os locais de acampamentos e pousadas. A ação também teve o apoio do presidente da Colônia de Pescadores de Pimenteiras, João Branco, além da Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril do Estado de Rondônia (IDARON) que cedeu a lancha para transportar a imprensa, e Secretaria Municipal de Saúde.

 

A Sicoob Credisul cedeu o combustível e alimentação aos participantes do mutirão. Além disso, produziu 60 placas que foram fixadas nos pontos mais críticos, chamando a atenção do turista para que leve de volta o lixo produzido durante a sua permanência nos acampamentos. Um novo vídeo também foi produzido e será divulgado em breve.

 

Agradeço de coração a equipe que trabalhou, à Sicoob Credisul pela parceira e também ao José Ribeiro. Ainda existe muita sujeira no rio e precisamos agir para mudar essa situação”, disse Olvindo.

 

 

 

 

O diretor da Colônia de Pescadores de Pimenteiras, João Branco, apontou a importância de não jogar lixo no rio, mesmo com a previsão da limpeza continuar nos próximos anos. “Conseguimos retirar o lixo que flutua, mas existem os que vão para o fundo do rio e esses não conseguimos retirar, vai só se acumulando”, alertou.

 

 

Conscientização Ambiental

 

No dia 26 de novembro, José Ribeiro realizou também uma palestra na Escola Inácio de Castro, em Pimenteiras. Antes, no dia 24, os alunos participaram de uma ação no porto de Pimenteiras, liderados pela professora Dolores Monge, como forma de chamar a atenção para a preservação do Rio Guaporé.

 

O ambientalista explicou que é importante conscientizar as crianças sobre a preservação do Rio Guaporé. “Elas possuem mais poder para educar as pessoas que os adultos”, afirmou.

 

Para ele, ver o projeto que criou tomar maiores proporções é uma realização. “Há muito tempo tínhamos essa vontade de ampliar o mutirão e dessa vez conseguimos. Agradeço muito ao apoio da Sicoob Credisul por isso”, afirmou o ambientalista.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS