close
logorovivo2

MONITORADO: Homem rompe tornozeleira eletrônica e faz assaltos

Esposa do suspeito forneceu a verdadeira identidade dele à polícia

FOLHA DO SUL ONLINE

30 de Outubro de 2018 às 09:38

MONITORADO: Homem rompe tornozeleira eletrônica e faz assaltos

FOTO: (Divulgação)

No início tarde de ontem (segunda-feira, 29), após receber denúncia de que um homem havia sido flagrado roubando objetos no Residencial União, e estava contido por populares, uma guarnição da Polícia Militar foi até o local verificar o ocorrido. 



Ao chegar ao local, os militares foram informados pela vítima, J. N. J. que, quando chegava em sua casa, no horário de almoço, deparou-se com um homem que andava pela rua com duas bolsas, que foram reconhecidas por J. como suas. Ao entrar no imóvel, notou que as janelas tinham sinais de arrombamento e também a ausência de alguns objetos, como duas botijas de gás. 



A polícia, então, realizou revista pessoal no suspeito, e ele se identificou como Marcos Pereira da Silva. Questionado sobre o furto, ele negou a autoria e disse que quem havia feito isso era um homem com o nome de Nei, mais conhecido como “Toddynho”. Ele acrescentou que Nei era monitorado através de uma tornozeleira eletrônica.


A vítima então questionou o suspeito sobre um aparelho de DVD, que também foi levado durante o furto, mas novamente o homem negou a autoria, indicando, inclusive, sua residência para que fosse feita a verificação. 



Ao chegar à residência de Marcos, a polícia foi informada pela esposa dele que, na verdade, ele se chama Hércules Pereira da Silva, e tem 37 anos. Na casa também foi encontrado o aparelho de DVD que a vítima havia dito que fora furtado, porém, Hércules afirmou que este lhe foi vendido por Nei, na noite anterior. Posteriormente, as botijas de gás foram encontradas em um matagal.


Diante dos fatos, o responsável pelo furto recebeu voz de prisão e foi encaminhado para a Unisp, junto com a vítima e os objetos furtados. Após registro de ocorrência na SISDEPOL, foi constatado que já havia um mandado de prisão contra Hércules, e que ele havia rompido a tornozeleira eletrônica há cerca de seis meses.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS